Novelas

Última semana “Os Dez Mandamentos”, saiba tudo o que acontecerá!

Próxima semana chegará ao fim o grande sucesso de audiência da Rede Record, “Os Dez Mandamentos”, e você deve está curioso pra saber o que irá acontecer na reta final da novela escrita por Vivian de Oliveira, e baseada em fatos bíblicos. Pois bem iremos matar um pouco da sua curiosidade e vamos revelar alguns acontecimentos da última semana da novela. Veja!

No capítulo que irá ao ar na segunda-feira (16/11/2015), Eliseba irá sangrar e agonizar. Nadabe, Abiú e Itamar se desesperam e partem para o ataque. Os Amalequitas decidem recuar. Apuki diz estar arrependido por ter deixado o Egito. Zuri e Amir contam ao rei Amaleque sobre o atentado aos hebreus. Arão descobre que sua mulher foi ferida e corre para vê-la. Abigail se anima ao notar o bebê se mexendo na barriga. O libertador descobre que o acampamento foi atacado pelos Amalequitas. Ele diz que precisarão contra atacar e começa a montar um exército com alguns hebreus e egípcios. Oseias convoca os hebreus para uma guerra contra os Amalequitas. Todos se propõem a lutar. Jairo e Apuki admiram a coragem de Oseias, mas o feitor se recusa a lutar com os hebreus. Moisés separa os homens em duplas e começa a treiná-los. As duplas começam a trocar golpes, mas se saem muito mal.

Já no capítulo de terça-feira (17/11/2015), Eliseba irá piorar e Leila chora preocupada. Os soldados Amalequitas se preparam para atacar novamente o acampamento. Determinados, Moisés e os guerreiros hebreus seguem para a batalha. Apuki avista a esposa conversando com Safira e se aproxima. Judite apresenta a amiga ao marido. O feitor cobiça a moça na frente da esposa.Do alto da colina, Moisés, Hur e Arão avistam o exército Amalequita se aproximando. Oseias manda todos assumirem suas posições. Moisés pede a ajuda de Deus. Ao avistarem os hebreus, os soldados Amalequitas debocham. Os dois povos se encontram e iniciam a batalha. Bezalel é ferido no braço e grita de dor. Arão avista os inimigos avançando sobre os hebreus. Sem forças, Moisés mal consegue erguer os braços para orar.

Em seu anti-penúltimo capítulo, na quarta-feira (18/11/2015), Hebreus começam a perder a guerra, muitos morrem vítimas dos duros golpes dos amalequitas. Moisés segue com os braços clamando por Deus. Os hebreus recebem uma força divida e voltam a lutar bravamente contra os amalequitas, mas desta vez virando o jogo. Horas de luta se passam e os amalequitas voltam a virar o jogo. Muitos hebreus começam a tombar. Diante da grande ameaça, os hebreus recebem novas forças e lutam bravamente. Finalmente os hebreus vencem a batalha. Deus conversa com Moisés e diz que irá riscar a memória de Amaleque. Eliseba se sente ainda mais fragilizada e recebe a visita de amigos. O rei Amaleque fica indignado com a derrota. Moisés pede ajuda para sepultar os corpos antes de voltarem para o acampamento. Hebreus voltam ao acampamento vitoriosos, mas arrasados com tantas baixas. Eles são recebidos com festa pelas mulheres. Bina diz a Datã que Apuki tem assediado Safira. O hebreu fica nervoso e vai até a barraca de Apuki e dá um soco na cara dele. Os dois começam uma briga violenta mas são interrompidos por Corá e Abirão. Eliseba se despede do marido e dos filhos, mas Arão não aceita a morte da mulher. Eliseba chama Arão novamente para o quarto. Eles trocam juras de amor e Eliseba morre.

(Foto: Reprodução/Record)
(Foto: Reprodução/Record)