Emissoras

Temendo ter que demitir em massa, Record começa gravar edições reservas de programas

A Record está tendo que contornar uma situação um tanto difícil que é o uso do RecNov (centro de produções da Record), enquanto muita gente afirma que o complexo será vendido e todos os funcionários serão colocados na rua, a emissora nem nega e nem confirma essa decisão, mas de acordo com o colunista Flávio Ricco, a emissora estaria temendo sofrer uma baixa na sua produção e com isso seus programa ficassem com um déficit de mão de obra.

E por isso as gravações de férias do “Hora do Faro” já foram iniciadas, e também a alta cúpula da emissora já ordenou que as gravações extras do “Programa da Sabrina” comecem a serem gravadas e nessa mesma “onda” o programa “Legendários” deverá seguir, embora essas gravações sejam absolutamente normais, estranha-se o adiantamento delas, já que as emissoras costumam fazer isso no final de outubro ou até mesmo em novembro.

Mas a Record não se pronunciou quanto a isso, mas sabe-se que o clima lá é absolutamente pesado e de alguma forma acaba atrapalhando o rendimento dos profissionais que trabalham cercado de incertezas, pois mesmo que a Record decida vender o seu complexo de estúdios para a produtora Casablanca, a mesma não terá obrigação de contratar os milhares de funcionários da Record.

(Foto: Montagem/Fanweb)
(Foto: Montagem/Fanweb)