Emissoras

Temendo problemas, Band diminui a duração de contrato com o “Pânico”

A imprensa acompanha com normalidade as negociações do “Pânico” com a TV Band. Se há algum tempo, haviam conversas de que a Band não pretendia uma renovação, hoje esse assunto não existe mais, já que a Band admitiu que está conversando com os responsáveis pela atração. No entanto, diferente do passado, a Band está impondo cautela no processo de negociação.

A emissora não tem pressa nenhuma em renovar com o programa. Além disso, segundo informações do colunista Flávio Ricco, a Band propôs renovação de contrato com o “Pânico”, por mais dois anos, prolongando o vínculo da atração até 2018. No entanto, essa informação vai em desencontro a divulgada pelo jornal “O Estado de São Paulo”, que garantia vínculo de pelo menos mais três.

Veja também:

Vale lembrar que Band também está propondo corte de gastos com a atração, que significa redução de salários. O fato é que aos poucos a Band vai se desprendendo da percepção de que o “Pânico” é um programa indispensável na grade da emissora, por isso mesmo, já temendo problemas com audiência e outros fatores, a emissora tem feito tudo com cuidado e sem pressa, já que sabe que nenhuma emissora na TV aberta demonstrou interesse no “Pânico”, então se estiver fora da Band, provavelmente o programa acabará extinto.

"Pânico" ainda não renovou com a Band (Foto: Reprodução/Band)

“Pânico” ainda não renovou com a Band (Foto: Reprodução/Band)

Você também pode gostar