Emissoras, Globo, Noticia

Telejornais locais da Globo ganharão novo grafismo em Recife, Rio de Janeiro e Brasília

Em breve, os telejornais locais da Globo passarão por uma mudança no que diz respeito a questão de seu grafismo em alguns estados brasileiros. De acordo com informações do site NaTelinha, os informativos de Recife, Rio de Janeiro e Brasília sofrerão alterações em sua vinheta e no padrão gráfico, assim como já aconteceu em São Paulo e Belo Horizonte no ano passado.

Ainda segundo a publicação, as duas primeiras regiões citadas acima já farão essa modificação até o final deste mês, sendo só a última que ficará para fevereiro. No mais, a confirmação da tal notícia aqui mencionada foi feita pela própria Globo, através de uma nota enviada ao NaTelinha, onde a emissora chegou a dizer que: “Cada programa terá uma paleta de cores seguindo uma referência ao período do dia em que vai ao ar, com tons mais claros ou mais escuros: amarelo, laranja e azul, respectivamente”.

Sendo assim, os telejornais Bom Dia Pernambuco, Bom Dia Rio, NETV e RJTV terão novas identidades, fazendo então com que os noticiários do meio-dia e noturnos recebam uma nova nomenclatura, tais como NE1 e RJ1, e NE2 e RJ2, respectivamente. Já os de Brasília somente no próximo mês.

Flávio Fachel apresenta o Bom Dia Rio (Foto: Divulgação/Globo)

Flávio Fachel apresenta o Bom Dia Rio (Foto: Divulgação/Globo)

Nos bastidores da Globo, Carla Vilhena deixou a emissora por outro motivo; saiba qual

Na semana passada, a jornalista Carla Vilhena surpreendeu a todos ao comunicar que estava deixando a Globo após 34 anos de atividade. No e-mail de despedida, ela agradeceu aos colegas, mas ressaltou o seu interesse em cuidar do seu blog pessoal, fazer crescer esse projeto dela, algo que ela já pensava há algum tempo. No entanto, segundo o site Notícias da TV, os bastidores da emissora garantem que a história não aconteceu dessa forma, e que tudo na verdade não passou de uma estratégia pessoal visando a imagem da própria jornalista.

Veja também:

Segundo a publicação, Carla Vilhena estava em baixa na emissora. Para se ter ideia, no último semestre de 2017, ela apareceu 6 vezes no Jornal Nacional e 3 vezes no Fantástico, onde era repórter especial. A direção da emissora a tinha como uma profissional pouco produtiva, porém, com um alto custo.

Diante disso tudo, Vilhena teria sido alertada por colegas de que seu contrato não seria renovado na emissora, por isso, ela se antecipou e combinou de anunciar que estava deixando o canal. É uma forma mais honrosa de cair por cima, ao invés da imprensa repercutir que ela foi desligada. O blog no qual ela se refere contém poucos textos, tendo mais imagens e etc. Ela terá que trabalhar muito para torná-lo produtivo, uma vez que ainda não há publicidade.

Jornalista Carla Vilhena (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar