Celebridades

Supostas fraudes na “Tele Sena” faz Silvio Santos ser derrotado na Justiça

O empresário Silvio Santos perdeu na justiça uma ação movida por 20 pessoas que afirmam ter sido lesadas no sorteio da Tele Sena do Dia das Mães realizado no dia 15 de abril de 1999. A maior parte do grupo é de funcionários da emissora de TV, que por causa disso, estavam acompanhando a gravação do sorteio. Eles afirmam ter a irregularidade no sorteio gravada em áudio.

Segundo a acusação, ao retirar a bola de número 14, durante o sorteio, o apresentador percebeu que muitas pessoas teriam ganhado o prêmio máximo da Tele Sena, de R$ 300 mil. Surpreso,o  apresentador teria interrompido a gravação e se retirado para o camarim, e permaneceu lá por algum tempo . Uma das assistentes de palco também se retirou com a bola sorteada. Quando o apresentador retornou para refazer a gravação, a bola 14 não foi recolocada no sorteio. A segunda versão do sorteio foi colocada no ar 24 horas depois.

Os advogados Paulo Roberto Modesto e Getúlio Nunes trabalham para os clientes que teriam sido lesados. “O juiz da primeira instância julgou apenas com base no regulamento, sem levar em conta os detalhes do caso”, diz Modesto. Uma norma do regulamento da Tele Sena impedia que as pessoas marcassem mais de 16 dezenas do segundo grupo da cartela. Aquela bola era a 17ª sorteada.

(Foto: Reprodução/Internet)
(Foto: Reprodução/Internet)