Emissoras, Noticia

Sky e Turner vivem impasse contratual e podem romper parceria para 2018

Da mesma forma que as emissoras de TVs abertas reivindicaram seus direitos no primeiro semestre deste ano com as operadoras de TVs por assinatura, o Grupo Turner, que é detentor dos canais Boomerang, Cartoon Network, CNN, Esporte Interativo, Space, TBS, TCM, TNT e Warner Bros, também está querendo chegar a um acordo com a Sky para que a mesma continue a transmitir estes canais citados acima em seu pacote no ano de 2018.

Segundo a colunista Keila Jimenez, do portal R7, a operadora já está comunicando aos seus assinantes de que ela se encontra “negociando um novo contrato de distribuição com a Turner e, caso não cheguem a um acordo viável, os canais da programadora serão retirados da grade em 2018”.

No mais, Sky e Turner estão vivendo momentos de pura tensão, pois ambas sequer conseguiram resolver, até agora, essa questão do impasse contratual, pois a primeira se nega a repassar um valor maior por assinante a segunda. Desta forma, caso as duas não cheguem a um acordo amigável até o final deste ano, os clientes da Sky não poderão mais acompanhar as emissoras pertencentes ao Grupo Turner na sua televisão.

Sky foi criticada por assinantes após ter mudado numeração de canais

Diante de uma guerra que travava contra a empresa Simba Content, esta pertencente às emissoras RecordTV, SBT e RedeTV!, para não ter de remunerar os três canais abertos, a Sky acabou arranjando uma confusão com os seus assinantes na época. Mas não foi por conta da Simba não.

O motivo se deu por causa que a empresa de TV por assinatura resolveu realizar uma atualização nos seus servidores, sendo que, para isto, a mesma teria de modificar a numeração de seus canais, que, segundo a operadora, serviria “para reagrupar por gênero a programação”.

Veja também:

Desta forma, a Sky chegou a informar os seus consumidores sobre o ocorrido via mensagem e ainda colocar em seu site oficial a numeração de cada canal que corresponde a cada emissora para que os assinantes pudessem se localizar quanto a isso. Mesmo assim, vários clientes da empresa se revoltaram contra ela e a teceram de críticas nas redes sociais.

“Eu vou meter bala na sky essa numeração nova dos canais ta uma p…”, comentou uma. “Sky eu te odeio”, escreveu outra. “Essa Sky está de brincadeira mesmo viu, mudou todo os números dos canais, de 90% dos canais, aaaaaaaa, pra que isso? Só pra deixar perdido”, disse um terceiro. “Os canais da Sky mudaram TD de lugar! Pq, pra que, como fazer isso comigo??? Tô TD perdida, até reprogramar meu cérebro”, relatou mais outra. “Os canais da sky mudaram e eu tava mais perdida que cego em tiroteio”, criticou mais uma.

Por outro lado, a Sky se justificou dizendo que “a mudança irá facilitar ainda mais a localização e o acesso a cada canal, mantendo uma lógica mais intuitiva e melhorando a navegabilidade”. E você que é assinante desta empresa, gostou das tais alterações feitas? Participe deixando o seu comentário abaixo.

Logo do Esporte Interativo e logo da Sky (Foto: Reprodução)

Logo do Esporte Interativo (canal pertencente ao Grupo Turner) e logo da Sky (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar