Emissoras

Silvio Santos manda cancelar cobertura da votação do Impeachment no SBT

Quem tentar acompanhar por lá o momento histórico que pode decidir pela saída da presidente Dilma Rousseff se decepcionará. Isto tudo porque, de acordo com o colunista José Armando Vannucci, Silvio Santos está de volta ao Brasil e começou a dar as caras com suas ordens.

A primeira dá conta de que a cobertura programada para o jornalismo do canal que exibiria, assim como todos os outros, os votos que decidem o Impeachment foi cancelada a mando do próprio. Segundo ele, o motivo é único e tão somente de que o SBT é uma estação de entretenimento e que essas coisas devem ficar para as concorrentes.

Veja também:

A decisão do dono do baú de um lado também é estratégica, já que no momento do ocorrido, todas as TV’s estarão transmitindo a mesma coisa e Silvio quer que o público tenha uma opção alternativa para fugir da tensão de meados de Brasília. Ainda de acordo com a ordem, a programação só deve ser interrompida caso a votação acabe. Antes disto, apenas flashes e nada de longos plantões ou algo do tipo.

(Quando o patrão manda, os mandados obedecem)

(Quando o patrão manda, os mandados obedecem)

Você também pode gostar