Celebridades

Silvetty Montilla se anima com ideia de apresentar versão brasileira do “RuPaul’s Drag Race”

O mundo LGBTQ repercutiu em cheio a informação confirmada pela Endemol Shine Brasil. A produtora responsável por formatos de sucesso na TV como o “Big Brother Brasil” anunciou que adquiriu os direitos de exibição do reality show “RuPaul’s Drag Race” e ainda acrescentou que está numa busca incansável por emissoras para assumirem o projeto.

Sendo assim, as especulações tomaram conta da web. Muito se cogitou quanto a quem apresentaria o formato. Na versão original, a apresentadora é ao mesmo tempo líder da competição. Conhecida por seu bom humor, Silvetty Montilla foi apontada como uma das favoritas pelo público para comandar uma versão brasileira do “Drag Race”. Em entrevista ao “UOL”, questionada sobre esta possibilidade ela respondeu: “As dívidas iriam acabar e eu iria adorar, seria maravilhoso“.

É um projeto que tem que existir, temos que abrir a mente das pessoas. É um programa que já está no ar há nove temporadas nos Estados Unidos. Acho que no Brasil tem tudo para acontecer e ser um grande sucesso. Nós temos talentos maravilhosos, seria demais“, acrescentou Silvetty, que foi registrada com o nome de Silvio. Segundo ela, assim como acontece na versão tradicional do reality não haveria problema se, caso apresentasse a versão brasileira, pedissem para que desse as caras com trejeitos masculinos: “Apareceria de Silvio sem problema nenhum. Aliás, espero chegar em casa e já ter alguma ligação de convidando“.

Versão brasileira do “RuPaul’s Drag Race”

Não importa se seja a RedeTV! ou até mesmo a Globo, o que mais importa para a Endemol é que alguma emissora de TV acabe se interessando e lançando uma versão brasileira do “RuPaul’s Drag Race”. De acordo com informações do colunista Flávio Ricco, a produtora adquiriu os direitos de exibição do reality show norte-americano com a Passion Distribution. Deste modo, as emissoras podem começar a se aquecerem para transmitirem a competição que é sucesso no exterior, e que aqui no Brasil já foi transmitida pela TV paga no canal Multishow.

Veja também:

O formato, em sua versão tradicional, é apresentado pelo seu próprio criador, RuPaul Andre Charles, que é considerado como o tutor maioral de diversas drag queens. Os participantes devem passar por provas de cantar, dançar, modelar, costurar, desfilar, atuar e improvisar. O apresentador conta com a ajuda de outros especialistas, que observam de perto todo o desempenho dos competidores.

Em cada programa há um eliminado, que é escolhido a dedo por RuPaul. Ainda não se sabe como funcionaria aqui no Brasil. No final, ganha quem conseguir vencer todas as provas. “Neste momento estamos buscando os parceiros ideais para a realização desse projeto“, contou Juliana Algañaraz, que é diretora-geral da Endemol Shine Brasil e revelou esta investida que estão fazendo em emissoras nacionais.

Silvetty Montilla pode apresentar a versão brasileira do “RuPaul’s Drag Race” (Imagem: Divulgação)

Acompanhe todas as novidades dos famosos e da TV, em nosso canal no YouTube!

Você também pode gostar