Emissoras, Noticia, SBT

Segundo colunista, empecilhos podem atrapalhar o SBT de contratar Mion, Bacci e Porchat

Após os apresentadores Marcos Mion e Fábio Porchat terem sido sondados pela Globo, agora foi a vez do SBT fazer o mesmo com os dois e ainda acrescentar mais um de “brinde”, Luiz Bacci, este que já está a bastante tempo na mira de Silvio Santos. Porém, algo vem impedindo e fazendo com que essa concretização venha de fato a acontecer.

De acordo com informações do colunista Ricardo Feltrin, um dos motivos para a não efetuação do acordo com o trio se deve a amizade que o ‘dono do Baú’ possui com Edir Macedo (proprietário da Record TV). Sendo assim, ele não quer criar inimizade com o líder da Igreja Universal, já que ambas as emissoras são sócias na joint-venture Simba.

Ainda segundo a publicação, outro empecilho que atrapalha é o fato de uma cláusula presente no contrato de Bacci e Mion que faz com que a Record tente cobrir, se assim desejar, o valor oferecido por uma concorrente durante a validade do contrato deles. Só lembrando que isso não acontece com Porchat porque ele está de saída da emissora.

Veja também:

No mais, Feltrin também chega a afirmar em sua publicação que “a cláusula na verdade ’empaca’ as negociações dos artistas e cria uma situação delicada do ponto de vista entre empresários”, ou seja, a Record é que é a responsável por decidir se eles podem ou não ser negociados com outras emissoras, pois em nada vai adiantar se os próprios decidirem isso por si só. Tudo por conta da “bendita” cláusula.

Você também pode gostar