Noticia, SBT

SBT pretende cortar recursos das suas emissoras

O SBT, diferente de RecordTV, que busca padronizar cada vez mais a sua rede de emissoras, deixa que cada canal em cada estado monte a grade que lhe convém, no entanto, é interessante dizer que embora esteja presente em todo o Brasil, o canal só é proprietária de sete emissoras, que são: SBT Rio, SBT Interior RJ, SBT Brasília, SBT RS, SBT Pará, SBT Central (Jaú, SP) e SBT RP (Ribeirão Preto).

No entanto, diante de todo o momento delicado que passa o caixa da emissora, naturalmente, haverá mais cortes, que, dessa vez, irá atingir esses canais. Não sabe-se se haverá demissões, mas os investimentos serão diminuídos. Além disso tudo, o canal vai buscar, com a ajuda da tecnologia, formas de otimizar os trabalhos dos seus funcionários. A ideia é fazer com que todos estejam bastante alinhados com a agilidade, para que a cabeça de rede consiga perceber essa economia. Embora não se posso colocar como um fator necessário, a qualidade dessas emissoras poderão ser comprometidas com os cortes feitos. Emissoras afiliadas não estão incluídas nesse corte, já que são pertencentes a outros proprietários.

Michel Temer deve ir ao Programa Sílvio Santos

O apresentador Silvio Santos receberá em breve no seu programa, o Presidente da República, Michel Temer. Acontece que ele irá até a atração dominical para defender o projeto de Reforma da Previdência.

Veja também:

A ida dele ao SBT faz parte de uma campanha para popularizar o tema, que anda sendo bastante criticado pelos brasileiros. Temer já apareceria no programa deste próximo domingo (17), mas, com o possível adiamento da votação para fevereiro, isso só deverá acontecer agora no final de janeiro. A ideia do Planalto, é que Michel Temer seja entrevistado por Silvio Santos. Assim como Temer, outros políticos deverão ir a outros programas de TV, como Rodrigo Maia e o relator da reforma, Arthur Maia.

O clima é tenso no SBT (Foto: Reprodução)

 

Você também pode gostar