Emissoras

Rede Globo leva corte do governo

Não ta fácil pra ninguém! A Rede Globo, junto com outras cinco emissoras que pertencem ao Grupo Globo, receberam uma quantia em publicidade do governo federal, estimada em R$ 396,5 milhões no ano de 2015.

Apesar, de o valor ser altíssimo, houve uma considerável queda em relação à 2014, onde os valores recebidos, foram de R$ 602,8 milhões. No geral, o governo da presidente afastada Dilma Rousseff, subtraiu R$ 591,5 milhões de propaganda federal em 2015. Isso indica que, os R$ 206,3 milhões que foram cortados da Globo e de suas emissoras, representam um corte de 34,9% do total dessa despesa do governo.

Entretanto, a Globo continua sendo a emissora que mais recebe esse tipo de verba. Porém essa arrecadação vem caindo consideravelmente nos últimos anos. Para se ter uma ideia, no 1º ano do governo Lula, a TV Globo faturava 59% do total gasto com TVs abertas. Em 2015, diminuiu para 32%.

Os dados da publicidade estatal foram obtidos pelo ”Site UOL” via Lei de Acesso à Informação. Vale ressaltar que a Globo não foi a única à sofrer cortes. O Grupo Silvio Santos também perdeu dinheiro de publicidade estatal federal no ano passado: de R$ 172,7 milhões em 2014 para R$ 115,4 milhões em 2015, uma redução de 33%.

Dados gerais de arrecadações com publicidades (Foto: Reprodução)
Dados gerais de arrecadações com publicidades (Foto: Reprodução)

 

Dados gerais de arrecadações com publicidades (Foto: Reprodução)