Emissoras, Noticia, RecordTV

RecordTV deseja quebrar contrato com afiliada e implantar geradora própria no Ceará

Em breve, uma mudança poderá ocorrer em todo o estado do Ceará com relação a retransmissão do sinal da RecordTV através de sua afiliada na capital Fortaleza, a TV Cidade. Isso porque, de acordo com informações do site Observatório da Televisão, a emissora de Edir Macedo está pretendendo adquirir um outro canal de TV por lá a fim de transformá-lo em sede própria do Grupo Record, trata-se da TV União, emissora local que exibe clipes musicais em quase toda a programação, além de possuir várias afiliadas espalhadas em oito estados brasileiros.

Segundo a publicação, o motivo para essa mudança considerada radical se deu em virtude da insatisfação por parte do departamento de jornalismo da Record, que não gostou nada de uma reportagem feita por sua afiliada cearense acerca de uma chacina ocorrida em Fortaleza no último final de semana de janeiro, na qual membros de uma facção criminosa invadiram um local de show e assassinaram 14 pessoas. O assunto se tornou até de repercussão nacional.

Além do mais, diretores do canal da Igreja Universal também chegaram a alegar que “a emissora afiliada demorou para chegar no local do crime, perdendo boa parte dos acontecimentos, e não produziu material o suficiente para os telejornais de rede, especialmente o Cidade Alerta nacional”.

A matéria produzida ainda informa que isso foi considerado o “estopim de uma crise na relação rede/afiliada”, a qual já estava balançada desde que houve a última renovação de contrato no ano de 2015, quando a emissora pertencente ao Grupo Cidade de Comunicação prometeu cumprir e se adaptar com todas as normas de programação da rede nacional, assim como já faz as demais praças, porém sem sucesso.

As conversas com a TV União, no entanto, ainda se encontram em trâmite, e caso venha a acontecer a compra da mesma por parte da Record, a emissora da Barra Funda passará a ter uma geradora própria na capital cearense, da mesma forma que a RedeTV!. Com isso, o canal paulista “iniciará uma nova estrutura do zero, reaproveitando somente o edifício sede do canal”.

Veja também:

Vale ainda ressaltar que a parceria entre TV Cidade e Record se encerra somente em setembro de 2019, mas, segundo o Observatório da TV, uma quebra de contrato pelo meio do caminho ainda é uma possibilidade de vir a se concretizar. Procuradas pelo mesmo site, a direção da RecorTV afirmou que cumprirá o contrato com sua afiliada no Ceará até o final, já a TV União falou, através do telefone, que essa informação é confidencial e de que não passaria maiores detalhes a respeito do caso.

Atualmente, a TV Cidade Fortaleza disputa o terceiro lugar com a TV Diário, emissora pertencente ao Sistema Verdes Mares – cujo é ligado a Globo no estado – e a NordesTV/Band, além de sofrer para alcançar a vice-liderança, feito este que não acontece desde que a TV Jangadeiro voltou a retransmitir o sinal do SBT, em agosto de 2015.

No mais, a maior audiência ainda obtida pela emissora local é com o policialesco Cidade 190 – veiculado de segunda a sexta ao meio dia -, que chegou a atingir, segundo dados consolidados do Kantar Ibope, o primeiro lugar no dia 01 de janeiro, e com o Domingo Espetacular. Ambos asseguram com facilidade o terceiro lugar isolado.

Record poderá romper contrato com a TV Cidade Fortaleza (Foto: Reprodução)

Record poderá romper contrato com a TV Cidade Fortaleza (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar