Curiosidades, Noticia, TV

Record tem lista com nomes de jornalistas que não podem aparecer na sua programação

A Record mantém uma espécie de lista, contendo alguns nomes de jornalistas que não devem trabalhar em suas emissoras próprias ou afiliadas em todo o país. A maioria são ex-profissionais do grupo que tiveram uma demissão traumática, com processos trabalhistas, ou que são considerados sem o perfil desejado pelo canal de Edir Macedo.

O repórter Ricardo Vilches, demitido em 2012, teve duas tentativas de contratação pela RIC TV, afiliada do Paraná, mas que não foram aceitas pela alta cúpula da emissora em São Paulo. Até que no ano passado mudou o departamento de Jornalismo de Curitiba, e a nova chefia resolveu ignorar o veto da Barra Funda.

Desde abril de 2018, Vilches é um dos principais nomes da RIC TV. Suas entradas ao vivo no Cidade Alerta do Paraná chegam a dar 17 pontos de média, mas ele não apareceu nem um minuto em rede nacional, fora da cobertura da filiada. Para tentar continuar com a ação contra o jornalista, a Record não o coloca de maneira nenhuma para atuar na emissora principal.

Veja também:

Segundo informações do site Notícias da TV, Vilches entrou na lista dos jornalistas excluídos pelo canal, porque processou a Record, depois de uma passagem de cinco anos pelo Jornal da Record, reivindicando 13º, FGTS e férias. A ação acabou em acordo judicial, mas não teve perdão. Depois de ser contratado e fazer sucesso na Rede Massa, emissora de Ratinho, despertou o interesse da RIC TV, que acabou bancando sua contratação.

Ricardo Vilches do Balanço Geral do Paraná é proibido de aparecer para São Paulo (Foto:Reprodução/RIC TV)

Você também pode gostar