Emissoras

Record monta “ala de censura” para programas gravados; entenda

O que sempre existiu na prática agora anda virando obsessão por parte dos bispos. Para que fique mais claro, iremos relembrar o caso de Xuxa Meneghel e sua contratação. Retirada da Globo sob o título de “censurada”, na nova casa repetitivamente era esbravejado de que as coisas seriam diferentes e que poderia por lá falar de tudo. Porém, com a atração ao vivo, era inegável a tensão nos bastidores por tamanha liberdade.

Sob a desculpa de estar em baixa audiência, o programa foi colocado para ser gravado. No entanto, se engana quem acreditou nessa história. Na verdade a preocupação dos executivos era no que ela falava no ar. Não sendo diferente com o restante dos produtos, com maior força isto anda se tornando fato.

Veja também:

De acordo com a coluna Zapping, uma ala na Record está montada para se dedicar a censurar apenas os programas gravados. Assistindo minuciosamente a todas as edições que ficam prontas, antes de ir ao ar existe uma equipe mandada pelos maiorais a cortarem todo tipo de fala que contradiga aos preceitos e objetivos da casa.

(Anda virando obsessão essa história de censura na Record)

(Anda virando obsessão essa história de censura na Record)

Você também pode gostar