Emissoras, Globo, Noticia

Prestes a deixar a TV, Globo convence Sergio Chapelin a adiar sua aposentadoria

Já há alguns no comando do Globo Repórter e pensando em deixar a TV por conta de sua idade, o jornalista Sergio Chapelin recebeu uma solicitação da TV Globo para que ele não viesse a se aposentar logo e ficasse pelo menos por mais dois anos na emissora carioca, apresentando o jornalístico e a Retrospectiva.

Sendo assim, em entrevista concedida ao site UOL nesta terça-feira (27), nos estúdios do SBT, onde participou do Troféu Imprensa – programa este que será veiculado no próximo domingo (04) – o jornalista comentou sobre o assunto: “Eu pensava que seria o último contrato. Em dezembro de 2017, eu me afastaria, ficaria ainda com o vínculo com a empresa e seria o último contrato. Mas houve uma conversa, me pediram para ficar mais um pouquinho. A gente é muito fraco. Meu contrato termina em dezembro de 2019. Depois, seja o que Deus quiser”, contou ele.

Globo Repórter estreia nova temporada com ótima audiência

Após um período de férias, o Globo Repórter finalmente voltou ao ar. A estreia da nova temporada da atração aconteceu na última sexta-feira, 23 de fevereiro, e surpreendeu ao conquistar excelentes índices de audiência, principalmente porque foi exibido fora de seu horário normal, que está sendo ocupado pelo Big Brother Brasil 18.

Veja também:

De acordo com dados consolidados, o programa comandado por Sérgio Chapelin conquistou 20.4 pontos de média. Para efeito de comparação, os humorísticos Brasil a Bordo e Tá no Ar, que também são exibidos na segunda faixa pós-novela das nove, nem se aproximam deste resultado. Na quinta, 22, por exemplo, a série de Miguel Falabella marcou apenas 14.9 pontos de média, enquanto a atração estrelada por Marcius Melhem e Marcelo Adnet teve 14.0 pontos.

É importante ressaltar que os dados apresentados são consolidados, portanto, não sofrerão alterações para mais, nem para menos. Os mesmos representam a preferência de um seleto grupo de telespectadores situados na Grande São Paulo, principal praça do país e que serve de referência para o mercado publicitário. Por lá, cada ponto é equivalente a 71,8 mil domicílios.

Sérgio Chapelin comanda o “Globo Repórter”
(Foto: Divulgação)

Você também pode gostar