Emissoras

Possíveis compradores da Band circulam pelas instalações da emissora

Uma visita anônima e um tanto que estranha aconteceu em meados da sede da Bandeirantes no Morumbi, em São Paulo, e está dando o que falar. De acordo com o colunista Flávio Ricco, por mais uma vez, o mesmo grupo de senhores que estiveram há algum tempo atrás visitando a emissora, percorreram os corredores nesta segunda-feira, 06 de março.

Sempre ao lado de um batalhão de executivos do alto escalão dos Saad, a visita até o dia de hoje virou comentário entre os funcionários. Muitos têm certeza de que se tratam dos novos donos da Band, que irão tirá-la do vermelho e reverter o estado de crise.

Nenhum dos senhores falava português, e eles foram tratados com bastante carinho pelos funcionários. Ordens superiores determinaram que todos deviam tratá-los com respeito e muita cautela. O mistério, até então, ainda não foi concretamente desvendado.

À beira da falência, Band faz reunião com funcionários para alertar sobre estado crítico

Desde meados de 2015 que acompanhamos aqui no Famosos na Web cada passo deste drama. É impossível de se esconder algo que é um fato nos bastidores dos estúdios em Morumbi. A Band está em uma situação, no mínimo, pífia.

Com todas as contas no vermelho, segundo informa a coluna do Flávio Ricco para esta segunda-feira, 20 de fevereiro, os representantes dos Saad, família que é proprietária da emissora, procuraram todos os principais funcionários. Em uma reunião, foi informado sobre a situação precária e alarmante das contas da empresa.

Veja também:

Foi uma conversa tensa entre diretores, que aproveitaram para reclamarem sobre a falta de reação por parte dos empresários em reverterem o estado de crise. Segundo muitos, falta a criação de programas no canal que sejam vendáveis. Apenas com o “MasterChef”, eles pedem que outros formatos sejam lançados, para movimentar o setor publicitário.

Em crise, Band vende horários da programação e irrita telespectadores

O bispo R. R. Soares é um entre os vários outros aos montes que ocupam horários da programação da Band. Com alugueis fartos, é assim que eles andam se mantendo e driblando a crise que chegou de maneira gritante na emissora que por pouco não chegou a falência.

No entanto, recorrendo a este meio, os Saad acabam irritando os telespectadores com seu desespero em querer se sobressair logo desse período difícil. Informamos em maio de 2016, que foram mais de sete horas seguidas de grade vendida para terceiros, que encheram a tela com suas bizarrices.

De programas sobre saúde, religiosos e até mesmo de premiações, chega a ser feio o telespectador do canal não ver mais o que existia antes por lá. A pergunta que fica no ar sempre é a mesma e deixa a muitos uma grande interrogação que é saber quando isso vai parar.

Band pode ganhar novos donos em breve. (Imagem: Divulgação)

Você também pode gostar