Celebridades

Porsche relata que direção imprudente matou Paul Walker

A montadora Porsche comunicou a CNN na última terça-feira(29), afirmando que é inocente do processo movido por Meadow Walker, filha de Paul Walker. Meadow alega que o acidente ocorrido em 2013, foi fatal porque o carro estava mal projetado.

No comunicado a montadora relata que “ficam tristes quando alguém se machuca em um veiculo da Porsche, confiam na conclusão das autoridades e que claramente a batida de Paul Walker foi resultado de uma direção imprudente e de excesso de velocidade”,

Os advogados de Meadow Walker, alegam que a velocidade do carro era de 101 a 114 km/h, o que não seria considerada alta para a via. Paul Walker  de 40 anos e seu amigo, Roger Rodas, que dirigia o carro, morreram em um acidente colidindo com uma arvore e um poste de energia, o carro Porsche pegou fogo depois da colisão.

Veja também:

Paul Walker

(foto/internet)

Você também pode gostar