Celebridades

“Perdi a cabeça, a razão”, diz Caio Castro sobre a agressão ao fotógrafo

Nesta segunda-feira (16/01), Caio Castro usou o Facebook e através de uma transmissão ao vivo explicou o ocorrido com o fotógrafo em Trancoso, na Bahia. A assessoria de imprensa do ator já havia se pronunciado antes.

Caio, que estará presente em “Novo Mundo”, explicou que toda a confusão teve início porque a viagem havia sido patrocinada por uma empresa que era concorrente da que havia organizado a festa. “Decidimos ir para Trancoso no Ano Novo, eu e muitos amigos. Quem proporcionou esse Ano Novo foi uma empresa que faz festa no Brasil inteiro para passar sete dias na Bahia. Como a gente estava aos cuidados do grupo desse amigo, a assessora chegou e falou ‘Caio, você pode não fazer foto’, mas gentilmente pedi para para que ela avisasse”,falou o ator.

“Deu um minuto, veio um rapaz correndo, levantou a máquina dele, começou a levantar tirar um monte de foto. Saí correndo atrás dele para explicar que, por uma questão de marketing, eu não podia tirar foto. Segurei ele por instinto, veio um segurança, me segurando, e aí eu perdi a razão, perdi a cabeça… Violência não leva a lugar nenhum. Tenho nove anos de carreira e nesse ano, nunca aconteceu nada como isso”, disse o artista.

Ele disse ainda que havia ficado com a consciência pesada durante a passagem de ano. “Fiz questão de falar, de pedir perdão, mas não deixaram eu falar com ele”, revelou o ator. “Peço desculpa para ele, para a família dele, para a minha família e para os meus fãs.” finalizou.

Caio Castro em ”Novo Mundo” (Foto: TV Globo)