Celebridades

Paulo Henrique Amorim tem contrato renovado com a RecordTV

De fato, antes de qualquer coisa, é necessário que se reconheça o grandioso fracasso nas previsões de diversos sites, jornais, programas dentre outros veículos da imprensa, que cravava com total e exclusiva certeza a notícia de que Paulo Henrique Amorim seria demitido da RecordTV assim que o seu contrato chegasse ao final. De qualquer forma, o contrato chegou ao fim, mas a notícia-surpresa é a permanência do apresentador.

Informações do site Notícias da TV garantem que o apresentador teve seu contrato renovado com a emissora por mais 4 anos, onde está assegurado a sua permanência como o âncora do “Domingo Espetacular,” revista eletrônica que ele comanda desde 2006. Todas as notícias em cima da ideia de que Paulo Henrique Amorim seria desligado da RecordTV acontece porque o mesmo desagradou e muito a executiva da emissora por conta dos seus polêmicos posicionamentos, sempre defendendo o então governo Dilma e movimentos de esquerda.

Veja também:

Isso acabava gerando um mal-estar interno, pois PHA não poderia fazer qualquer tipo de reportagem sobre política, pois não tinha e não tem respaldo algum para isso. Quando o PRB (partido ligado fortemente à Igreja Universal, que por sua vez detém grande influência sobre a RecordTV) abandonou o governo Dilma, (fechando com aquele que seria o governo Temer) que sofreria impeachment meses depois, Paulo Henrique Amorim subiu o tom das críticas, o que desagradou membros importantes da RecordTV e do alto escalão da Igreja Universal, que pediram a cabeça do jornalista. No entanto, uma pesquisa da emissora mostrou que Paulo Henrique era tido como a figura de maior importância no “Domingo Espetacular”. Depois disso, o jornalista acabou ganhando uma certa força na emissora, chegando ao ponto de desafiar o vice-presidente de jornalismo da emissora, Douglas Tavolaro, ao garantir que não faria mais reportagens para o dominical, cumprindo a promessa logo em seguida. De qualquer forma, o fato é que Paulo Henrique driblou muita gente e uma grande imprensa que tinha certeza de sua demissão. Agora são mais quatro anos no comando do “Domingo Espetacular”.

Paulo Henrique Amorim contrariou as expectativas (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar