Colunas

Papo Sincero: “A Lei do Amor” irá fracassar com novo triângulo amoroso

Nas últimas semanas, o público foi surpreendido com algumas mudanças na história de “A Lei do Amor”. As alterações deixaram a trama mais ágil e com ótimos ganchos, porém, a fez perder a coerência. Um dos casos da falta de lógica da novela, é o enredo de Letícia (Isabella Santoni). Se antes, a jovem era mimada, egoísta e beijava o chão que seu pai, Tião (José Mayer), pisava. De uma hora pra outra, ela se tornou madura, compreensiva e passou a detestar o vilão.

A mudança repentina de Letícia é apenas uma jogada dos autores, que estão pretendendo criar um novo triângulo amoroso entre ela, Tiago (Humberto Carrão) e Isabela (Alice Wegmann). A ideia deles é dividir a torcida do público, como acontece em outras novelas, e como a patricinha foi rejeitada ao extremo, eles tiveram a ideia de regenerá-la. No entanto, a mudança de Letícia aconteceu de forma artificial e não está convencendo os telespectadores. As chances desse triângulo fracassar são muito grande. As torcidas das redes sociais e dos grupos de discussão já demonstraram muito carinho por Tiago e Isabela, e querem vê-los junto.

Por outro lado, ainda existe uma chance para Letícia poder conquistar o público. Isso porque, Isabela retornará na pele da misteriosa Marina, disposta a se vingar de Tiago, a quem ela julga ter sido o responsável por seu atentado. O ódio e o rancor de Isabela podem fazer com que algumas pessoas passem a torcer para Letícia ficar com Tiago. Porém, nos próximos capítulos, caso a saia não seja eliminada, quem também irá demonstrar ódio é a própria Letícia. Ao saber que a rival pode estar viva, a patricinha irá se roer de raiva e desejar que Isabela esteja mesmo morta. O retorno de Isabela acontecerá na segunda quinzena de janeiro.

Autores de “A Lei do Amor” querem dividir torcida do público com triângulo amoroso (Foto; TV Globo)