Noticia, Novelas, O Tempo Não Para

O Tempo Não Para: Ex-congelados verão Museu Nacional em ruínas e criticarão governantes

Os ex-congelados de O Tempo Não Para ficarão chocados após verem o Museu Nacional do Rio de Janeiro em ruínas. Os nascidos do século 19 criticarão duramente os governantes do país. Nos próximos capítulos da trama, os personagens farão um tour pelos pontos turísticos e históricos, lembrarão de como eram no passado e ficaram tristes com o descaso.

A viagem para o Rio de Janeiro será ideia de Marocas (Juliana Paiva), que desejará visitar o Instituto Histórico Geográfico Brasileiro (IHGB) para procurar arquivos sobre o pai. A mocinha dará um jeito de se livrar da chantagem de Emílio, que forçará Marocas a ser sua noiva para não revelar a todos os documentos que provam que Sabino (Edson Celulari) é um criminoso de guerra.

Marocas irá para o Rio com Celine (Maria Eduarda de Carvalho), mas os pais da mocinha não deixarão que duas moças viagem só. Por isso, Cesária (Olívia Araújo) e Menelau (David Júnior) irão junto. Após pesquisarem e não encontrar nada, eles irão para o Museu Nacional e ficarão chocados. “Tudo lambido pelo fogo”, dirá Cesária. “Que tragédia. A antiga residência Imperial completamente destruída. Um tesouro arqueológico com relíquias de vários povos antigos. Quase tudo reduzido a pó”, lamentará Marocas. “Esse é o cuidado que os governantes de hoje dedicam à nossa história”, criticará Miss Celine.

Veja também:

“Como querem construir um futuro melhor se não são capazes de preservar a memória de um povo?”, questionará Marocas. Os quatro contemplarão o museu em ruínas com profunda tristeza. Celine, após um tempo, dirá para que irem embora dali. “Estou sem coragem, Miss Celine. Depois do fracasso das buscas de hoje, o que me espera em São Paulo é terrível demais”, responderá a mocinha, pensando em Emílio. “Não precisa ser assim”, dirá a professora. Marocas responderá: “Você tem razão. Ainda resta uma esperança”. Ele voltarão para São Paulo no mesmo dia. As cenas irão para o ar em 27 de outubro em O Tempo Não Para.

Museu Nacional do Rio de Janeiro, no momento do incêndio. (Foto:Divulgação)

Você também pode gostar