Noticia, Novelas, O Sétimo Guardião

O Sétimo Guardião: Sampaio intima Murilo a depor na delegacia pela morte de Feliciano

Com a morte de Joubert Machado (Milhem Cortaz), Sampaio (Marcello Novaes) passou a assumir o cargo de delegado da cidade de Serro Azul, e, com isso, adquiriu novos serviços e investigações a serem feitos. E um deles trata-se de descobrir quem foi o responsável pela morte de Feliciano (Leopoldo Pacheco).

Desta forma, o capanga de Olavo (Tony Ramos) vai até o casarão de Gabriel (Bruno Gagliasso) a procura de Murilo (Eduardo Moscovis). “Vim na qualidade de delegado. Cadê o Murilo?”, questiona ele a Valentina (Lília Cabral), que fica surpresa com a presença do homem no local.

Em seguida, a empresária diz que o amado está na fonte, fazendo então com que Sampaio vá até lá para interrogá-lo: “Onde você tava na noite da morte do Feliciano?”, pergunta o novo delegado, despertando assim a fúria do ex-gato. “Não tenho nada a dizer”, responde Murilo.

Veja também:

Logo depois, Sampaio faz ameaças ao ex-felino e avisa que irá levá-lo até a delegacia se ele não contar o que sabe, deixando o clima bastante pesado entre os dois. Porém, Murilo fala que no dia do assassinato do guardião ele estava acompanhado, mas o delegado não acredita: “Vai querer dizer que, quando Feliciano bateu as botas, você estava com a Valentina?”, indaga. “E estava mesmo! Por quê? Algum problema?”, rebate a vilã, confirmando a versão do filho de Sóstenes (Marcos Caruso).

Mesmo assim, Sampaio falará que não acredita em nenhuma palavra dos dois e afirma que eles estão de armação. Com isso, o capanga de Olavo tomará uma decisão: “Já sei que você e Feliciano andaram discutindo por causa desta senhora… E isso faz de você suspeito pela morte dele! Me acompanhe até à delegacia!”, dispara. Não perca esta cena e o que vai acontecer assistindo ao capítulo desta segunda-feira (15) de O Sétimo Guardião.

Você também pode gostar