Colunas, Noticia, O Sétimo Guardião

Novelas globais da faixa das 21h exageram no choro

As novelas das nove sempre foram motivo de luxo na Rede Globo, pois a emissora trata o conteúdo como a principal atração do dia. No entanto, nos últimos anos as telenovelas dessa faixa vem perdendo um pouco de sua credibilidade, um dos motivos é o forte apelo emocional, que incomoda até os telespectadores.

Não é preciso acompanhar diariamente as últimas tramas desse horário pra sentir vontade de desligar a televisão ou mudar de canal. Geralmente até nos próprios comercias, que é feita a chamada da atração, já deixa os telespectadores um pouco enojado. O que sustenta essas produções é a forte marca do canal no horário.

Acontece que rede televisiva carioca deve está gastando muito com colírio, pois boa parte do conteúdo é preenchido com cenas onde os personagens caem no chororó. É difícil iniciar um capítulo onde o primeiro cenário não seja de muito choro, desespero e gritaria. Convenhamos que isso não é necessário, quando uma produção tem um contexto de luxo, como acontece em O Tempo Não Para.

Veja também:

Coincidência ou não, nos últimos tempos as novelas exibidas após o Jornal Nacional vem perdendo força na audiência. A Força do Querer em 2017, teve média de 31 pontos em seu primeiro mês. Já o Outro Ladro do Paraíso conseguiu 30 no consolidado mensal. Segundo Sol surpreendeu e fechou com 32, mas O Sétimo Guardião voltou a realidade registrando apenas 29.

Apelo ao chororó vem incomodado os telespectadores (Foto: Reproduão/TV Globo)

Você também pode gostar