Celebridades, Noticia, Programas

No The Noite, Bola, ex-Pânico, esclarece o motivo de sua saída do humorístico: “Cansei da mesma coisa”

Na madrugada desta quinta-feira (02), Danilo Gentili recebeu Marcos Chiesa, o Bola do Pânico, em seu talk show no SBT. Durante sua participação, ele tocou no assunto ‘Pânico’ e fez questão de esclarecer os motivos que lhe levaram a deixar o humorístico.

“Fiquei 25 anos. Cansei da mesma coisa. Eu pedi [demissão]. Queria fazer outras coisas, estou fazendo. Foi decisão minha mesmo. Nem penso em voltar. Fiquei com ‘Síndrome do Pânico'”, contou ele, em tom de brincadeira, que está desenvolvendo projetos no Youtube e uma série para o aplicativo PlayPlus, da Record TV.

“No início tinham temas, pena de morte, aborto, ia para a [Avenida] Paulista e conversava com as pessoas ao vivo. Passou a ir para o humor porque estávamos discutindo aborto e as pessoas ligavam pedindo ingresso pro show da Madonna. Comecei a xingar”, contou Chiesa.

Veja também:

Em seguida, o ex-integrante da trupe também disse que não passava por sua cabeça que a atração fosse durar tanto tempo na TV – 14 anos, sendo 8 anos na RedeTV! e 6 na Band. “Quando começou, achamos que ia durar seis meses. O Emílio [Surita] era câmera. Não tínhamos dinheiro e ele comprou com o dinheiro dele para a gente gravar. Era muito mambembe. Parecia que a gente era uma turma do colégio que se zoava”, afirmou.

Marcos Chiesa, o Bola, esteve no The Noite (Foto: Gabriel Cardoso/SBT)

Marcos Chiesa, o Bola, esteve no The Noite (Foto: Gabriel Cardoso/SBT)

Você também pode gostar