Celebridades

No ar em “Justiça”, Luisa Arraes revela que se recusou ver cena onde sua personagem é estuprada

Em “Justiça”, a atriz Luisa Arraes tem impressionado o público com as suas belíssimas atuações. No entanto, ela revela que precisou lidar com um medo que é real e ultrapassa a ficção. Ela revelou que tem bastante medo de ser estuprada, e justamente na série, o seu personagem, Débora, foi atacada e estuprada por um homem, em um beco, em pleno o carnaval de Recife.

A atriz, em entrevista ao site Notícias da TV, revela que foi extremamente difícil lidar com a carga emocional do personagem, já que é um clima de tensão de medo que acaba deixando a ficção: “Todas as cenas na minissérie são muito difíceis, com carga emocional muito alta. Tive todos os tipos de dor, de barriga, de coluna. A gente tem muita ajuda da equipe inteira para se concentrar e entrar na história, porque são tragédias que a gente não viveu. Temos que usar a imaginação e ver o que pode ser feito com o pavor e o medo que existem, porque essas histórias acontecem”, revelou a atriz.

Veja também:

A mesma ainda disse que não teve coragem de assistir o resultado das cenas para saber o que de fato tinha acontecido, ou como tinha ficado o trabalho, já que o pavor nela, era algo bastante real. Luisa é filha do cineasta Guel Arraes, que é responsável pelas séries semanais da Globo. De família pernambucana, a atriz é neta de Miguel Arraes e prima de Eduardo Campos, ambos já mortos. Vale lembrar que “Justiça é o terceiro trabalho da atriz na Globo.

Luisa Arraes interpreta Débora em "Justiça" (Foto: Reprodução/Globo)

Luisa Arraes interpreta Débora em “Justiça” (Foto: Reprodução/Globo)

Você também pode gostar