Celebridades

Nathalia Dill fala de Branca, sua personagem em “Liberdade, Liberdade”

A atriz Nathalia Dill, que interpreta Branca (Nathalia Dill) em “Liberdade, Liberdade” falou de sua personagem na novela das onze. “Essa coisa do ‘bela recatada do lar’ é exatamente a Branca. Ela mostra o que todo mundo espera que ela seja, o que toda mulher naquela sociedade deveria ser. No fundo isso não existe, é uma montagem masculina do que deveria ser o feminino. A Branca critica a modernidade feminina, ela defende o machismo”, disse ela em entrevista para o “UOL”.

E completou: “Mesmo sendo uma mulher que não tem direitos, cuja vida é um joguete em prol da economia da família, ela prefere assim. Ela quer ter os escravos dela, quer se casar, não quer a novidade como a Joaquina, que deseja a igualdade, a liberdade, a fraternidade. Branca é ativa, por mais que as mulheres da época fossem passivas. Ela tem essa modernidade, mas o que ela quer é retrógrado”.

Nathalia também falou da chantagem que Branca está sofrendo pela escrava Malena (Lucy Ramos). “Agora ela tem um segredo, ela perdeu a única coisa de valor que ela tinha, a única moeda de troca que as mulheres tinham era essa. A ‘pureza’ era um domínio quase familiar, pertencia àquela instituição. Quando ela joga isso fora, dá um desespero. Ela realmente precisa casar, e não pode ser com outra pessoa”, contou.

Nathalia Dill fala sobre Branca
Nathalia Dill fala sobre Branca