Emissoras

Na briga com operadoras, Simba não apresentou planos de novos canais

Já são quase três meses de impasse entre a Simba (Grupo formado por RecordTV, RedeTV e SBT) e as operadoras de TV paga. Isso acontece porque as emissoras estão querendo obrigar as operadoras a pagarem pelos seus sinais na TV fechada, o que é visto como um absurdo para as operadoras, que argumentam ser inviável pegar por uma coisa que o público tem de graça.

Diante disso, após muitas idas e vindas, surgiu-se a ideia de que a Simba teria que apresentar a criação de mais dois ou três canais na TV Fechada, para que só então as operadoras pudessem analisar a qualidade desses canais, optando por colocar ou não. Acontece que até o dia de hoje, a Simba não apresentou ideia alguma de criação de novo canal, o que só proporciona o aumento do impasse.

Com isso tudo, segundo o colunista Ricardo Feltrin, cogitou-se criar um canal onde “Chaves”, “Pica Pau” e companhia seriam exibidos por 24 horas, enquanto um outro seria destinados a atração antigas do SBT. Acontece que para isso ocorrer, a emissora teria que negociar o pagamento a cada artista que aparecesse em vídeo, visto que o contrato assinado naquela época não previa esse tipo de exposição. Além disso, as emissoras ainda correriam o risco de ter os canais rejeitados pela operadora. É um impasse que teve data de início, mas não tem nenhuma perspectiva de final.

Simba continua em impasse com as operadoras (Foto: Reprodução)

Veja também:

 

Você também pode gostar