Programas

Mesmo com reformulação, “Fala Que eu Te Escuto” continua amargando baixa audiência

No segundo semestre do ano passado, a TV Record fez a primeira reformulação do programa “Fala Que eu Te Escuto”. O objetivo de tal mudança, era justamente afastar o programa da Igreja Universal, já que a atração sempre foi vista como um produto da Igreja e não da Record. Com a mudança, o programa ganhou uma nova cara e um novo layout.

A nova logomarca do programa ficou mais moderna, além do canário que acompanhou a mudança. Com essas mudanças, a atração passou a ser patrocinada por uma empresa de refrigerante. No entanto, anda deu certo e o programa continua praticamente estagnado na audiência, fazendo com que a Record se mantenha atrás da Globo e do SBT.

Para se ter uma ideia, ontem, 21, a atração teve uma média de 1,4 pontos. Esse fracasso só aumenta a pressão sobre os executivos da emissora, afim de fechar a contratação de Fábio Porchat, que será responsável por comandar um talk-show nos fins de noite da emissora.

("Fala Que eu Te Escuto" é reformulado mas continua com baixa audiência)
(“Fala Que eu Te Escuto” é reformulado mas continua com baixa audiência)