Celebridades, Noticia

Marcelo Adnet critica conservadorismo no Brasil

Na noite da última quinta-feira (26), Marcelo Adnet marcou seu retorno às telinhas meses após o fim da quarta temporada do Tá no Ar: a TV na TV, e estreou o novo Adnight Show. Completamente reformulado, a atração passa a apostar na política, na tentativa de alavancar os índices do talk show, que decepcionou em sua primeira temporada, ano passado.

Em entrevista concedida ao site UOL, o humorista comentou como que está lidando com a sociedade em que vivemos que têm se tornado conservadora a cada dia. “Esse é um assunto interessante. Eu tinha tomado a decisão de não falar sobre isso [em relação a assuntos polêmicos], porque é muito cruel. Vivemos um fenômeno cruel que as pessoas que mais crescem no Brasil em popularidade, são pessoas ligadas a nada, pessoas que ignoram qualquer assunto político, e vivem somente de floreamentos”, critica.

O apresentador afirma que a falta de cultura da geração atual prioriza coisas fúteis, e desvaloriza o que realmente acrescenta ao cidadão. “A nova geração diz: ‘Quem é Caetano Veloso?; Ele não é ninguém’. Fenômeno é a menina da internet que malha e a bunda só tem 2% de gordura. Eu comecei a perceber que quando eu opinava sobre alguma coisa, gerava um desconforto, quase uma rejeição, então eu tinha decidido ficar calado. Agora acho que chegamos num momento tão grave, que coisas tão absurdas começam a acontecer, que acho que ficar calado é um irresponsabilidade”.

Veja também:

O ex-marido de Dani Calabresa ainda fez questão de comentar sobre assuntos recentes que repercutiram na sociedade, como a exposição de artes em São Paulo, que tornaram a Globo alvo de boicote até pelos próprios contratados da rede – como o cantor André Valadão, da Som Livre. “Outro dia falei sobre a exposição do MAM, conversei com as pessoas que estavam me xingando, outras me elogiando, e acho que precisa existir um diálogo. No programa a gente fala sobre política, brincando, mas falamos sobre esses assuntos e nos alimentamos disso”, explica.

Marcelo Adnet (Foto: Reprodução)

Marcelo Adnet (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar