Celebridades

Luana Piovani critica globais após movimento contra polêmica envolvendo José Mayer

Luana Piovani mais uma vez polemizou em um vídeo publicado em seu canal do YouTube, o “Luana Sem Freio”, nesta sexta-feira (9).

Ao responder algumas perguntas feitas pelos internautas, a global revelou que uma de suas maiores decepções foi a campanha realizada por atrizes e funcionárias da Globo após o caso envolvendo José Mayer, no início deste ano, em que assediou sexualmente uma figurinista nos bastidores da novela “A Lei do Amor”.

“Achei um movimento muito figurativo. Achei que todo mundo fez muita selfie, foto ‘gata’ com a camiseta e não realmente entendeu o que o movimento significava e teve uma atitude. Fazer selfie é muito fácil, o negócio é abrir a boca e denunciar”, desabafou ela.

Luana Piovani relembra vez em que traiu Rodrigo Santoro

Luana Piovani resolveu polemizar – mais uma vez – em seu canal do YouTube e comentou sobre traição no “Luana Sem Freio”. No vídeo divulgado nesta quarta-feira (7), ela não cita nomes, mas relembrou quando traiu um namorado e também quando foi traída.

Veja também:

“Eu já traí. E já fui traída. A minha traição foi pública e notória. E o meu corno também foi público e notório”, disse ela, relembrando os internautas na vez em que foi flagrada traindo Rodrigo Santoro e quando foi traída por Felipe Simão.

“A minha história de traição, foi traição, mas eu não voltei para casa falando ‘te amo, meu amor’ e deitei na cama. Eu traí, cheguei em casa e falei ‘deu ruim, vou partir’. Não consigo viver duas coisas. Quando eu me interesso por alguma coisa ali, é porque o aqui já não ficou bom”, falou ela sobre quando cometeu traição.

Quando foi traída, Luana conta que ficou extremamente enraivada. “Quando fui traída, eu fiquei com ódio que eu espumava. Vontade que eu tinha era de arrancar os olhos da pessoa. Pois eu vivi isso, fui traída e essa pessoa que me traiu voltou para casa e ‘ah, meu amorzinho’. Mas dito e feito. Veio parar na minha mão. E aí que eu fiquei com ódio. Como você faz um troço daquele, volta para casa e se faz de bonzinho. Eu não tenho essa culpa. Eu não fiz isso. Traí, falei ‘olha só, não foi legal, me perdoa, dei mole, mas estou partindo’. Não fiquei fazendo a fofinha traindo a pessoa”, explicou.

Luana Piovani (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar