Novelas

“A Lei do Amor”: Magnólia matará Elio

Nos próximos capítulos da novela “A Lei do Amor”, a personagem de Vera Holtz, Magnólia, irá matar Elio, vivido pelo ator João Campos. Tudo vai começar quando Mág descobrir que Elio roubou o celular de Tião que continha provas contra ela. Então com medo que o vídeo dela revelando que matou Beth seja divulgado, ela usará um revólver do marido para que ele seja o principal suspeito pelo crime.

Para que Tião fique desacordado e ela coloque o seu plano em ação, a vilã dará um sonífero para o banqueiro, após ele cair em sono profundo, ela pegará a arma dele e com um lenço irá atrás do jornalista. Com a porta de sua casa entreaberta, Magnólia entrará facilmente na casa de Elio. “O que a senhora está fazendo aqui?”, perguntará ele.

Ela então dirá que está atrás de Ana Luiza, logo ela irá ver o celular de Tião e avançará em direção ao aparelho, nesse momento Elio partirá para cima dela. “Pra você fazer tanta questão assim desse celular, é porque ainda não teve tempo de enviar este vídeo pra ninguém!”, dirá ela. “Mas é o que vou fazer agora. E todo mundo vai saber de todos os crimes que você cometeu. Contra o Fausto (Tarcísio Meira), a minha tia, a Beth, todo mundo”, irá ameaçar Elio.

Veja também:

Elio ainda vai lembrar que a câmera do seu notebook está ligada, então ele mexerá no computador para enquadrar ela. “Esse vídeo vai pra internet. E você, pra cadeia.”, dirá ele. “Se você não fosse tão enxerido, eu simplesmente pegava o celular de volta e ia embora. Mas você chamou um hacker, conseguiu acesso ao vídeo. Eu detesto ter que tomar essas medidas extremas. Mas são vocês que me levam a isso.”, dirá ela sacando uma arma de sua bolsa.

Eles discutirão e ao escutar um barulho na vizinhança, a megera aproveitará o momento pra abafar o som do tiro e acertará em cheio no peito de Elio que cairá de joelhos no chão, ainda vivo. “É muito triste morrer tão jovem. Mas não se pode ter tudo. Mande um abraço pra sua tia, quando encontrá-la no inferno”, falará Mág.

Elio e Magnólia (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar