Celebridades

“Lamento muito” comenta Tatá Werneck sobre a música “Travesti em Fogo”

Tatá Werneck fez questão de se desculpar, após ser acusada juntamente com a banda Renatinho de criar uma música onde foi considerada transfóbica, o nome titulado da música foi “Travesti em Fogo”.

Veja um pedaço da letra da música que causou revolta nos internautas “Às vezes tenho medo de travesti. Rosto feminino e masculino ao mesmo tempo (…) Travestis carregam navalhas na bolsa e matam pessoas mil”.

“O Brasil é o país que mais mata travestis no mundo. Dizem que a média de vida não chega a 30 anos. Desde ontem, recebo críticas e ameaças por conta de uma música da @bandarenatinho. Na verdade queríamos com a música dizer que ter medo de travestis é totalmente infundado, absurdo e inadmissível. Algumas pessoas nem leram até o final. E achávamos que através do humor nossa crítica seria clara. Mas se não fomos entendidos, Lamento muito”, disse Tatá Werneck.

Veja também:

Confira abaixo a música “Travesti em Fogo” da banda Renatinho:

Você também pode gostar