Celebridades

Juliana Paes é hostilizada nas ruas por conta de Bibi em “A Força do Querer”

A atriz Juliana Paes está sentindo a parte ruim do sucesso nas ruas, já que pelo o que a imprensa tem conhecimento, a atriz já foi hostilizada pelo menos duas vezes na rua, o que acaba chamando atenção. Segundo o colunista Leo Dias, recentemente, em um posto de combustível, a atriz se viu atacada por uma senhora, que saiu do carro e prontamente começou a atacar a personagem e a atriz.

Não sabe-se qual foi a reação de Paes, se é que ela ficou até o fim do sermão para ouvir tudo. Muitos no local ficaram perplexos com a atitude da senhora em dizer o que pensa. De qualquer forma, a mesma, há não muito tempo, as gravações de “A Força do Querer” foram paralisadas depois que um homem invadiu o local e começou a atacar a novela e a atriz.

Homem termina detido ao invadir gravações de”A Força do Querer”

Um tumulto se instaurou nos últimos dias durante uma gravação de “A Força do Querer”. A novela está rodando algumas cenas na cidade fluminense de Cabo Frio, que é o cenário da cidade pacata onde Bibi (Juliana Paes) e Rubinho (Emílio Dantas) escolheram fazer nova vida. No entanto, durante uma das gravações, um homem invadiu o local e agrediu profissionais da Globo.

Veja também:

As informações são do jornal “O Dia”, que ainda detalham o fato de que ele era militante de Jair Bolsonaro, candidato à Presidência da República em 2018. Tratava-se de um médico, que proferia palavras de ordem e direcionava escórias à equipe. Nem mesmo Juliana Paes, que gravava no momento do tumulto, se livrou dos xingamentos. Só bastava o diretor dizer “gravando” e o homem começava a gritar. Diante da ocasião desconfortável, a produção teve que pedir apoio à Polícia, que o prendeu por desacato à autoridade devido seu descontrole até mesmo contra as autoridades.

Juliana Paes está sendo atacada nas ruas (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar