Emissoras

Jornalista de afiliada da Globo é demitido após criticar governador do Amazonas

Um caso bem curioso, mas que é comum em regiões do Norte e Centro-Oeste do Brasil chamou atenção. Na última   terça-feira, 03 de janeiro, o “Bom Dia Amazonas” exibiu uma reportagem falando sobre a visita do Ministro de Justiça ao Amazonas. No fim da reportagem, José Melo, governador do estado, declarou que analisava oferecer um pacote de regalias aos presos do estado.

Na volta para o estúdio, a apresentadora Luana Borba, declarou ser “no mínimo curioso” a atitude do governador em analisar regalias para presos. No entanto, o jornalista Clayton Pascarelli declarou em seguida: “Bom, deste governo nada mais me assusta”, disse. Bastou esse comentário para que o jornalista caísse em desgraça. Assim que terminou o “Bom Dia Amazonas”, ele foi demitido da Rede Amazônica.

Foi avisado de que na quarta-feira ele nem comandaria mais o telejornal. Um diretor da emissora declarou que o celular dele não parava de tocar por conta das palavras do âncora, que por sua vez já estava na mira do canal, por conta de alguns comentários ácidos dele, que incomodava grandes figuras políticas do estado do Amazonas. Diante disso, muita gente se recusava a ir do “Bom Dia AM”, para não ter que ser questionado por ele. Procurado pelo site Notícias da TV, o jornalista demitido não quis falar do seu desligamento, mas confirmou que houve relação com a crítica ao governador. A Rede Amazônica não quis se pronunciar. A TV Globo disse que esse é um assunto interno da Rede Amazônica, pela qual a emissora não pode interferir.

O jornalista foi demitido após criticar governador do Amazonas (Foto: Reprodução/Internet)

Veja também:

 

Curtidas

Você também pode gostar