Celebridades, Noticia

Inês Brasil detona racista que atacou a filha de Gagliasso

Apesar de já se passar alguns dias, a atitude de Day McCarthy continua provocando bastante revolta naqueles que estão vendo. Diante disso, a cantora Inês Brasil publicou um vídeo de mais de 3 minutos, onde aparece comentando a situação, dizendo que a racista está endemoniada, além de xingá-las várias vezes, deixando claro que ela não tinha coração nem bondade, afinal de contas, atacar uma criança é no mínimo covardia, afirma a mulher.

Depois de atacar Day várias vezes, Inês ainda disse que a vontade que tinha era de cortar ela em pedaços e sair distribuindo, alegando logo em seguida que tinha Deus no seu coração. Em um certo ponto, ela ainda pede que a racista deixe a filha do Bruno Gagliasso em paz, assim como ela também tivesse vergonha do que faz, lembrando rapidamente que ela agrediu o filho de Ana Hickmann. No caso de Anitta, que foi acusada por Day de cheirar cocaína, Inês Brasil pediu que ela deixasse a cantora em paz, alegando que a funkeira é maior de idade e faz da sua vida o que ela bem quiser.

Recentemente a racista atacou Mara Maravilha

Se Day Maccarthy quer chamar a atenção da mídia e provocar revolta, ela está conseguindo cumprir sua missão com sucesso. Isso porque após ataques racistas com Titi, filha de Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank, agora a socialite que já chegou a ser presa, decidiu atacar a apresentadora Mara Maravilha.

Veja também:

Nas imagens recentes, Day afirma: “Essa Mara Maravilha é uma falsa, porque eu sempre conversei com ela e quem me passou o número do Léo Dias foi a Mara Maravilha”, iniciou Maccarthy.  “Mara Maravilha é homofóbica, ela não tem moral nenhuma”, continuou ela. “Quer dar uma de amiga do Léo Dias? Mas é a maior falsa. Mara Maravilha que me passou o número do Léo Dias. Eu só não tenho como tirar print da nossa conversa, porque meu Instagram foi deletado, mas assim que ativarem, eu vou expor”, prometeu.

Inês Brasil detonou a racista (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar