Programas

Homem deixa bispo chocado no “Fala Que Eu Te Escuto”

Na madrugada desta sexta-feira, dia 5 de agosto, o programa “Fala Que Eu Te Escuto” teve como tema principal a seguinte pergunta: “Se seu filho assumisse que era gay, o que você faria?”. Já era de se esperar que esse assunto iria gerar bastante polêmica, e foi exatamente o que aconteceu.

Um dos telespectadores que ligou para opinar a respeito do assunto foi Carlos Araújo, um motorista de São Paulo, que em seu depoimento chegou a chocar até mesmo o bispo. Segundo ele, em hipótese nenhuma isso seria aceito: “Ele vai aprender a ser homem debaixo da porrada. Ou ele aprende a ser homem ou ele morre. Tenho certeza que porrada resolveria”.

O bispo também opinou sobre o assunto e surpreendeu os telespectadores com a sua posição respeitosa. “Se eu descobrisse que meu filho fosse homossexual, a minha fé ensina a respeitar. A Bíblia não ensina a descriminar ninguém. Jesus ensinou a respeitar a todos. Jesus ajudava todo mundo. Jesus nunca levantou bandeira contra, Jesus veio nos salvar, nunca julgou ninguém. Jesus nunca levantou a bandeira da homofobia”, disse.

Veja também:

“Você que descrimina, você deveria abrir a sua mente. Você bater em seu filho, colocar sua filha para fora de casa muda o quê? Sinceramente? A nossa fé ensina a respeitar as pessoas. Essa é minha opinião, e eu ajudaria o meu filho no possível e no impossível se ele assumisse a sua homossexualidade”, opinou o bispo.

A opinião do telespectador gerou polêmica (Foto: Reprodução)

A opinião do telespectador gerou polêmica (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar