Emissoras, Noticia, RecordTV

Grave caso de assédio sexual atinge o jornalismo da RecordTV

Há alguns meses o Brasil se surpreendeu com o caso envolvendo o ator José Mayer, que assediou uma figurinista da TV Globo, que, por sua vez, tratou o caso com bastante energia, fazendo com que o ator fosse afastado de suas funções e ainda pedisse desculpas pelo o ocorrido. Agora, a RecordTV está enfrentando uma situação semelhante, com o mesmo teor de gravidade, porém, diferente da Globo, essa crise atinge o seu jornalismo.

Segundo informações da coluna do jornalista Flávio Ricco, uma funcionária do portal R7 recebeu uma foto no seu WhatsApp, a foto em questão era da genitália de um dos diretores do SP no Ar. A imagem veio acompanhada da pergunta: “E aí, gostou?”. A funcionária assediada levou o caso imediatamente à chefia do jornalismo da RecordTV. Até mesmo o marido da mulher esteve na emissora, tentando conversar com Leandro Cipoloni, diretor de jornalismo. Cipoloni então procurou saber detalhes com a gerente da funcionária assediada para ter mais detalhes sobre o caso, para então em seguida, dar o devido encaminhamento interno. Procurada, a RecordTV comentou o fato, ressaltando que ele estava sendo resolvido internamente.

+Suposto assédio tinha movimentado gravações de novela da RecordTV

+Na Globo houve situação pior de assédio

+José Mayer deve voltar em breve às novelas da Globo

O jornalismo da RecordTV, em maio, esteve no auge de uma crise

Veja também:

Há á algum tempo, o Famosos na Web noticiou que o clima no” Jornal da Record” era extremamente tenso depois da mudança de chefia, e que as cobranças e pressão aumentaram de tal forma, a ponto de gerar pedidos de demissões e choros pela redação. No entanto, passado um tempo, essa situação continua igual e vai ganhando proporções cada vez mais graves.

De acordo com o colunista Flávio Ricco, é necessário que o vice-presidente de jornalismo da emissora, Douglas Tavolaro tire um tempo para conferir mais de perto o que tem acontecido nos bastidores do telejornal mais importante da RecordTV, já que tem gente se queixando de problemas na audição por conta da quantidade de gritos recebidos. O pessoal da edição de imagens é tido como os que mais sofrem.

O clima anda de uma forma tão tensa que tem gente procurando o RH da RecordTV para fazer queixa sobre o que anda acontecendo, deixando claro que trata-se de um assédio. O colunista finaliza ressaltando que uma visita do vice-presidente de jornalismo resolveria esses conflitos em questão de poucas horas, colocando todo mundo no seu mais devido lugar.

Jornalismo da RecordTV vive escândalo interno por assédio sexual (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar