Emissoras

Globo se posiciona após pancadaria com jornalistas no carnaval de Salvador

Pela primeira vez, a emissora carioca resolveu dar sua palavra diante de toda a polêmica que se instaurou durante o Carnaval de Salvador com seus contratados. Felipe Santana, que atua como correspondente em Nova York, e um colega de trabalho seu, foram curtir as férias e durante a folia acabaram alterando os ânimos, fazendo colocar em jogo o nome da empresa em que são contratados, a Globo.

Por meio de nota, a assessoria de imprensa da empresa lamentou o episódio, e defendeu seus jornalistas, descartando assim a hipótese de uma demissão por conta disso.

Felipe Santana e Bruno Della Latta, que estavam de férias em Salvador, se envolveram num incidente com a polícia militar durante um bloco de carnaval […] Felipe sofreu escoriações leves e foi conduzido para a delegacia para prestar esclarecimentos e fazer corpo de delito. Já Bruno, que recebeu chutes e golpes com cassetete, foi levado ao hospital para fazer diversos exames e ser medicado, mas já recebeu alta hoje pela manhã e prestará depoimento em breve. Ambos passam bem. Estamos dando o suporte necessário aos jornalistas e aguardamos uma rigorosa apuração do caso“, disse o comunicado.

Entenda como se deu a prisão do jornalista

Um fato lamentável aconteceu na noite do último domingo, 26, no carnaval de Salvador. Segundo informações do site Notícias da TV, o correspondente internacional da Globo em Nova York, Felipe Santana foi preso no carnaval de Salvador. Tudo aconteceu por conta de uma confusão envolvendo ele e um amigo. Segundo a publicação, o amigo de Felipe, que também trabalha na Globo, levou um golpe de cassetete.

Veja também:

No entanto, por algum motivo, Felipe acabou brigando com os policiais. Nessa brincadeira, acabou rolando uma troca de farpas, e resultou em Felipe preso por desacato a autoridade. O jornalista foi levado para o Quartel dos Aflitos, onde ficou detido para averiguação. Curiosamente, o crime de desacato a autoridade não existe mais desde o final de 2016.

A Globo não tinha se pronunciado sobre o assunto até então, já que os funcionários não estavam à serviço da emissora e estavam de férias. Novato, Felipe se tornou correspondente internacional da Globo no ano passado, e ganhou bastante notoriedade esse ano, quando conseguiu a faceta de vim no mesmo avião que Eike Batista, que era um dos procurados pela Interpol.

Felipe Santana foi preso pela Polícia Militar da Bahia. (Foto: Reprodução)

 

Você também pode gostar