Emissoras, Novelas

Globo nega que demissão da jornalista Michelle Sampaio tenha ligação com seu peso

No sábado (23), a apresentadora Michelle Sampaio declarou ter sido demitida da Rede Vanguarda, afiliada da Globo no Vale do Paraíba, por estar acima do peso. Um dia após as suas declarações, a emissora negou que esse tenha sido o motivo do desligamento da jornalista.

De acordo com a Globo, esse tipo de conduta é “incompatível com a política de respeito” que é adotada pelo canal, mas a empresa não informou a justificativa para demitir Michelle, que estava na Vanguarda há 16 anos. “A TV Globo e a TV Vanguarda informam que não é verdade que a razão para o fim do contrato mencionado seja a que foi publicada na reportagem ‘Apresentadora da Globo é demitida por ficar gorda depois de gravidez’. Tal conduta é incompatível com a política de respeito absoluto a seus profissionais adotada pela TV Globo e pela TV Vanguarda”, informou a Globo neste domingo (24) em uma nota enviada para o site Notícias da TV.

Em uma publicação em seu perfil no Instagram, Michelle afirmou que foi demitida da emissora porque não conseguiu emagrecer o que havia adquirido durante sua gravidez, em 2016. Então, ela passou de âncora de telejornal para um trabalho nos bastidores até ser desligada.

Veja também:

A pressão que as emissoras colocam sobre âncoras de telejornais e repórteres que aparecem na telinha, especialmente as mulheres, para que elas estejam sempre no peso e com visual impecável é tema bastante debatido nos bastidores, mas é raro qualquer jornalista falar sobre o tema. Michelle desabafou.

“Como muitos sabem e me acompanham, há dois anos entrei numa briga com a balança depois de ter engordado muito na gravidez. Por estar acima do peso, fiquei um bom tempo trabalhando nos bastidores, cheguei a emagrecer um pouco, voltar pra reportagem e apresentação do jornal, mas saí do ‘vídeo’ novamente porque nunca de fato voltei ao peso antes da gravidez, que foi o pedido da emissora.”

Michelle Sampaio durante a apresentação do Jornal Vanguarda, telejornal local (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar