TV

Globo “escraviza” jornalista e causa revolta nos bastidores

Foi-se o tempo em que havia todo um cuidado por parte dos globais quanto aos âncoras do jornalismo. De acordo com informações do “Notícias da TV”, uma atitude anda causando grande revolta nos bastidores da emissora carioca. Desde quando William Waack entrou de férias, Renata Lo Prete está sendo praticamente escravizada e tendo jornada dupla.

A jornalista é a substituta direta do titular do “Jornal da Globo”, assim como Carlos Tramontina. Só que ela agora apresenta o “Jornal das Dez” na Globonews e, por uma questão de lógica, não poderia apresentar o telejornal na TV aberta. Mas, parece que o famoso “Padrão Globo de Qualidade” foi extinto e a prova se dá porque Tramontina está de férias e, fora Lo Prete, não há outro apresentador para ocupar a bancada do “JG”.

Deste modo, toda a rotina do telejornal da TV paga teve de ser alterada para conseguir colocar a jornalista na jornada dupla. A reunião de pauta do “Jornal da Dez” foi antecipada em 30 minutos para que dê tempo dela se preparar. Assim que ela termina a apresentação da Globonews, corre para os estúdios de jornalismo da TV Globo para ficar de plantão.

Veja também:

Isto porque, uma outra questão é que ela deve ficar preparada para qualquer notícia extraordinária, pois após o “Jornal Nacional” é a praça de São Paulo que passa a ser responsável pelos plantões. Como é impossível ficar em dois lugares ao mesmo tempo, enquanto apresenta o telejornal na TV paga, Lo Prete fica sendo substituída por Roberto Kovalick, que só bate o ponto quando ela chega.

Renata Lo Prete no “Jornal das Dez” e no “Jornal da Globo” na última sexta-feira, 25 de agosto (Imagem: Reprodução/Globo)

Acompanhe todas as novidades dos famosos e da TV, em nosso canal no YouTube!

Você também pode gostar