Esporte, Globo, Noticia

Globo escala Galvão Bueno para narrar o Mundial Feminino de Futebol; transmissão será em multiplataforma

Entre os dias 07 de junho e 07 de julho ocorrerá o Mundial Feminino de Futebol, direto da França. Visando isso, foi então que a TV Globo resolveu adquirir os direitos de transmissão do campeonato para ser exibido em suas três plataformas (TV aberta, TV por assinatura e internet).

De acordo com informações do colunista Flávio Ricco, do UOL, a Globo mostrará pela primeira vez, ao vivo para todo o país, todas as partidas da Seleção Brasileira. Já o canal pago SporTV realizará uma cobertura ainda mais ampla do evento esportivo, ao exibir o total de 52 jogos do Mundial em seus três canais, assim como também no globoesporte.com.

E para narrar essa grande disputa, que antecede a Copa América no Brasil, a Globo escalou o seu principal nome: Galvão Bueno, que fará a cobertura e a narração de todas as partidas na TV aberta. Além dele, Glenda Kozlowski também está na mira da emissora para narrar alguns confrontos no SporTV.

Saiba detalhes sobre como será a cobertura da Copa América 2019 no Grupo Globo

Os profissionais da TV Globo juntamente com os do SporTV e globoesporte.com já estão se preparando para a Copa América 2019, que terá início no dia 14 de junho e encerramento no dia 07 de julho. Sendo assim, de acordo com informações do jornalista Gabriel Vaquer, do Notícias da TV, o objetivo do Grupo Globo é realizar a mesma cobertura, ou, se não, parecida com a da Copa do Mundo de 2014, a qual foi sediada no Brasil, mesmo apesar desta – de 2019 – ser considerada mais simples.

Dito isto, a emissora então irá disponibilizar mais de 200 profissionais ligados ao esporte, área técnica e afiliadas. Já com relação as transmissões, a TV aberta (Globo) exibirá um total de 11 das 26 partidas, com absoluta exclusividade, sendo elas da Seleção Brasileira, Uruguaia e Argentina. Estas duas últimas, por exemplo, com direito a ocupar a grade dos domingos à tarde, no lugar do Campeonato Brasileiro, que sofrerá uma pausa durante o evento.

Veja também:

“A Globo, em suas três plataformas, exibirá todos os jogos da Copa América, que acontece no Brasil, em junho e julho. Na TV aberta, a Globo transmitirá todos os jogos do Brasil na competição, além de outros quatro confrontos, de seleções como Argentina e Uruguai. SporTV e o globoesporte.com transmitirão os 26 jogos do torneio”, informou a assessoria do canal carioca.

E uma das novidades será a inserção de Bárbara Coelho, ex-SporTV e atual apresentadora do Esporte Espetacular, que passará a ter ainda mais espaço em relação aos outros que também farão a cobertura. Ela, portanto, comandará o EE das cinco cidades-sedes onde o Brasil terá partidas realizadas (São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Porto Alegre e Belo Horizonte), além de também estar escalada para fazer flashs ao vivo durante a programação dos canais do Grupo Globo, ao lado de Mauro Naves.

No mais, ainda segundo a publicação, quem ficará responsável por passar todas as informações da Seleção Brasileira aos telespectadores serão os repórteres Tino Marcos, Eric Faria, Júlia Guimarães e André Gallindo. Já André Hernan se tornará setorista do time da Argentina, enquanto Richard de Souza da Seleção Uruguaia.

Fora isso, Galvão Bueno também aparecerá na telinha em vésperas e nos dias de jogos do Brasil, dentro do Jornal Nacional, que será ancorado por William Bonner e Renata Vasconcellos. Entretanto, as cidades-sedes ainda contarão com quatro equipes fixas de reportagem para a cobertura e os bastidores dos jogos, sendo que esses profissionais também mandarão seu material para o SporTV.

Galvão Bueno narrará as partidas da Seleção Brasileira no Mundial Feminino da França (Imagem: Divulgação)

Galvão Bueno narrará as partidas da Seleção Brasileira no Mundial Feminino da França (Imagem: Divulgação)

Você também pode gostar