Emissoras, Globo, Noticia

Globo entra na mira do Cade por suposta compra ilegal dos direitos do Campeonato Brasileiro

A situação poderá ficar feia de vez para a TV Globo caso seja comprovado que a emissora carioca adquiriu/comprou ilegalmente os direitos do Campeonato Brasileiro de futebol. De acordo com informações obtidas e publicadas pela coluna Radar, da revista Veja, o Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) está investigando o canal dos Marinho a fim de descobrir se o mesmo não boicotou suas concorrentes para também transmitirem o torneio.

É válido ressaltar que, em 2010, a Globo deixou de ser exclusividade na compra do campeonato – devido a uma cláusula assinada pelo Cade – e passou a disputar a preferência com a Record, que, na época, ofereceu uma proposta de R$ 100 milhões aos dirigentes dos times brasileiros para ficar responsável por exibir os jogos nos anos de 2012 a 2014.

Porém, de acordo com o jornal Folha de São Paulo, a oferta era referente aos eventos esportivos ocorridos na Europa e nos Estados Unidos, locais estes onde as emissoras de TV abertas e/ou fechadas têm a possibilidade de exibir as partidas em dias e horários diferentes cada.

Para lançar plataforma de vídeos, Globo agiliza produção de séries

Veja também:

Embora esteja trabalhando às escuras para a informação não se espalhar, a Globo pretende lançar nos próximos meses uma nova plataforma de vídeos. Com data incerta, a regra definida nos bastidores é estocar o máximo de séries que for possível.

Intitulado de Globoflix, a plataforma promete quebrar o monopólio da Netflix no Brasil. Até o momento, a emissora conta com cinco produções para o serviço: Assédio, Ilha de Ferro, Carcereiros e Se eu Fechar os Olhos. Nos próximos meses também deve ser gravado Gaia, série que pode ter Taís Araújo e Débora Falabella como protagonistas.

Globo passa a ser investigada pelo Cade (Foto: Reprodução)

Globo passa a ser investigada pelo Cade (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar