Emissoras, Globo, Noticia

Globo, após demissões e dispensas, traz reforços para o setor esportivo

Segundo informações do Notícias da TV, após demitir o jornalista Mauro Naves e ter Marcos Uchôa e Tino Marcos, dois de seus repórteres mais experientes, serem afastados, a Globo anunciou contratações para o setor esportivo da emissora. Juliano Lima, ex-Fox Sports e Band, e Débora Gares, ex-ESPN, são os profissionais do canal. A informação foi confirmada pelo Grupo Globo.

Ambos jornalistas são conhecidos por suas coberturas esportivas no Rio de Janeiro, onde trabalharão pela emissora carioca a partir do próximo mês. O Esporte do Grupo Globo está unificado, ou seja, o trabalho de boa parte da equipe de vídeo, como repórteres, comentaristas e narradores, é alternado entre TV aberta, por assinatura (o SporTV), pay-per-view (o Premiere) e site (Globoesporte.com).

Débora Gares e Juliano Lima são dinâmicos e ‘quebra galho’, já atuaram nas empresas do grupo Globo. Débora, de 2005 a 2014, trabalhou no Infoglobo, responsável pela publicação de jornais e revistas. Nesse período, escreveu editoriais para O Globo, o principal jornal do Rio de Janeiro. Ela estava na ESPN desde 2015, fazia reportagens especiais e entradas ao vivo sobre clubes cariocas. Seu último trabalho foi a cobertura da Copa América.

Veja também:

Juliano Lima passou um ano como repórter esportivo da Globo em 2012. No ano seguinte, foi para a Fox Sports, onde trabalhou até 2018. No canal, fez as coberturas das Copas do Mundo de 2014 e 2018, Libertadores, Sul-Americana, Copa do Brasil e das Jogos Olímpicos no Rio, em 2016. Além disso, ele também acompanhava a rotina dos clubes cariocas e apresentava programas, como o Fox Gol e o Rodada Fox, e participava como comentarista de outras atrações. Em 2019, Juliano trabalhou como repórter do Os Donos da Bola, da Band no Rio de Janeiro, e estava como freelancer para a RedeTV! e para o SBT.

Os jornalistas Juliano Lima e Débora Gares foram contratados pela Globo (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar