Programas

Fábio Porchat recebe Danilo Gentili nesta terça (10) em seu talk show na Record

A noite desta terça-feira, 10 de outubro, certamente ficará marcada na história em razão da ida do apresentador do “The Noite”, do SBT, Danilo Gentili, ao talk show comandado por Fábio Porchat, na RecordTV, o “Programa do Porchat”. O motivo para tal ocorrência se deve por causa da estreia do mais novo filme do humorista do SBT intitulado de “Como se Tornar o Pior Aluno da Escola”, o qual será lançado nesta quinta-feira (12), nos cinemas de todo o Brasil.

No mais, além de comentarem sobre o longa, Danilo e Fábio também se divertirão ao falarem sobre outros assuntos. Vale lembrar que na estreia de Gentili no SBT, Porchat foi o primeiro convidado do programa, e, até mesmo como uma questão de retribuição ao comediante do “Porta dos Fundos”, o colega topou comparecer no palco do “Programa do Porchat”, mesmo apesar de na época Fábio ainda não ter assinado com a emissora dos bispos. O talk show apresentado por Fábio Porchat começa às 00h15, após “A Fazenda – Nova Chance, na RecordTV.

Danilo Gentili relembra morte do pai e da irmã, em entrevista para canal de Leda Nagle

Em uma entrevista concedida ao canal do YouTube da jornalista Leda Nagle, Danilo Gentili falou sobre algumas curiosidades de sua vida pessoal. O comandante do “The Noite”, talk show do SBT, relembrou a época em que perdeu o pai, vítima de um ataque cardíaco, e a irmã, em um acidente de carro, em menos de um ano de diferença.

“Eu tinha 18 anos, faz 20 anos,quando meu pai morreu e, seis meses depois, minha irmã. E uma semana depois que minha irmã morreu, fui levar um amigo em um posto de saúde. No meio do caminho deu aquele blecaute nacional, foi naquela noite. Um cara de moto para, põe o revólver e leva o carro, que era o único bem que a gente tinha”, relembrou o comediante, que acrescentou ter passado por grandes dificuldades financeiras neste período.

Veja também:

Gentili ainda revelou que sofria bullying na época da faculdade. “Meu apelido no colégio era ‘rola’. Porque quando passei no 2º grau técnico, rasparam meu cabelo, e era verão”, contou ele, ainda confessando já ter sentido vergonha da aparência. “Eu tive muito complexo por ser magrelo e desengonçado. Todo mundo falava que eu parecia um retardado correndo. E eu tinha muita vergonha da minha cor, eu era muito branco. Eu jamais ficava sem camisa na rua. Até hoje eu tenho”, declarou.

No entanto, mesmo que tenha passado por situações difíceis durante sua vida, o apresentador frisou que não perde a fé por nada. “As coisas acabaram dando certo, graças a Deus, eu trabalho como se Deus não existisse, como se só dependesse de mim. Acredito muito em Deus”, disse.

Danilo Gentili e Fábio Porchat no “Programa do Porchat” (Foto: Divulgação/RecordTV)

Acompanhe todas as novidades dos famosos e da TV, em nosso canal no YouTube!

Você também pode gostar