Novelas

“Escrava Mãe” vence categoria importante em premiação internacional

Após ter sido indicada na categoria Melhor Série de Drama, do Seoul International Drama Awards, “Escrava Mãe” acabou vencendo a premiação da competição. Gustavo Reiz, autor do folhetim, comemorou o feito em sua conta no Instagram. “Nossa ‘Escrava Mãe’ foi premiada no Seoul International Drama Awards! Melhor novela de 2016! Parabéns a todos!”, escreveu na legenda.

Totalmente gravada durante 2015 e exibida na íntegra, entre maio de 2016 e janeiro deste ano, o enredo de época foi responsável por realizar a reabertura do segundo horário de novelas inéditas da emissora de Edir Macedo, e contou com nomes no elenco como Gabriela Moreyra, Thaís Fersoza, Jussara Freire, Fernando Pavão, Zezé Motta, que interpretaram um dos personagens principais na trama.

Além de ter sido uma grande conquista da Record, que disputou a estatueta em outra ocasião, com a saga de Moisés em “Os Dez Mandamentos” (2015-2016), é motivo de festa para o Brasil, que teve “Sinhá Moça” (2007) e “Passione” (2010) representando o país. Ambas produções da Globo, o folhetim assinado por Silvio de Abreu levou a categoria e venceu.

Seriado da Globo também foi indicado a premiação

Fracasso em audiência e campeão de críticas negativas, “Supermax” conseguiu obter um grande feito para a Globo. Isso porque, o seriado de terror chegou a final do Seoul Drama Awards, premiação da Coreia do Sul que reconhece as melhores produções da televisão no mundo inteiro. A versão brasileira da produção está indicada em duas categorias: Melhor Série e Melhor Autor.

Veja também:

O evento em questão ocorreu neste mês, em Seul. A série concorreu com produções da Alemanha, Austrália, Israel, Taiwan, Coreia do Sul, Bélgica, Japão e Estados Unidos. Na categoria dos autores, José Alvarenga Jr., Marçal Aquino e Fernando Bonassi concorre com dramaturgos da Alemanha, Reino Unido, Áustria, Coreia do Sul, Portugal e Israel.

Exibido pela Globo entre setembro e dezembro de 2016, o enredo contou a história de 12 participantes em um reality show, localizado num presídio na Floresta Amazônica, que passam a lutar pela sobrevivência ao perderem contato com a produção, e tendo que lidar com presenças sobrenaturais.

“Escrava Mãe” e “Supermax” foram indicados a prêmio (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar