Celebridades

Em entrevista, Rainer Cadete fala sobre o fim de “Êta Mundo Bom!” e o assédio dos fãs

Durante um ensaio fotográfico, Rainer Cadete contou em entrevista sobre o seu futuro profissional, fez um balanço sobre o trabalho na novela das seis “Êta Mundo Bom!” e por fim, contou sobre o assédio dos fãs, que segundo ele, no geral é sempre agradável.

Sobre a trama das seis, onde viveu o personagem Celso, ele disse: “O balanço que faço é que foi um trabalho extremamente positivo. Foi um personagem que me possibilitou ir de um extremo ao outro. E essa curva foi muito interessante de fazer, um exercício muito bom de praticar enquanto ator”, contou ele, à revista “MENSCH”.

Veja também:

Com toda a visibilidade que adquiriu em “Verdades Secretas”, na pele de Visky, e em “Êta Mundo Bom!” ( o ator emendou um trabalho no outro), o assédio dos fãs cresceu muito. “Eu sempre ajo com o coração. Tento atender todo mundo que me aborda, gosto de dar e receber esse carinho. Acho que me saio bem tendo educação, amor e empatia”, conta. “Mesmo assim algumas pessoas não entendem, e querem tirar uma selfie comigo num enterro, por exemplo. Ou durante o almoço, quando estou mastigando; ou quando estou doente, muito mal, no hospital, enfim… Acredito que com educação a gente se sai bem”.

Rainer Cadete (Foto: Ale de Souza/Divulgação)

Rainer Cadete (Foto: Ale de Souza/Divulgação)

Você também pode gostar