Emissoras, Globo, Noticia

Em entrevista, diretor da Globo se pronuncia sobre o caso William Waack

Após um vídeo envolvendo o jornalista William Waack ter sido vazado na internet há pouco tempo, onde o mesmo chega a chamar um cidadão americano de negro nos bastidores da cobertura das eleições presidenciais dos EUA, em 2016, o mesmo acabou vendo sua imagem se tornar alvo de inúmeras rejeições por parte dos telespectadores, que o acusaram de racismo. Nisso, o apresentador do Jornal da Globo chegou a ser afastado de suas funções na casa por tempo indeterminado.

Meses depois do ocorrido, Sergio Valente, diretor de comunicação da TV Globo, resolveu então se pronunciar sobre o assunto, em uma entrevista concedida ao site Notícias da TV, onde chegou a declarar que tanto o ator José Mayer (acusado de assediar uma figurinista) quanto Waack mereceram levar uma punição da emissora carioca.

“A Globo tem uma missão, que está escrita há muito tempo, um compromisso que ela assumiu como empresa. De respeitar a diversidade, o talento, essa tremenda cor brasileira. Para ser respeitoso com o que você é e com o que pretende ser, tem que doer quando precisa doer”, justifica ele, se relacionando aos princípios éticos adotados pelo canal.

Veja também:

O executivo também ressalta que “a suspensão dos dois profissionais reforçam o compromisso da emissora com sua missão e seus valores” – com palavras do Notícias da TV -. “Tudo o que a emissora faz está alinhado com a rota de onde a gente quer chegar. A gente quer ser maior, muito melhor, um ambiente onde as pessoas se encontram, um lugar que traga as pessoas, onde os talentos queiram trabalhar. E a gente só vai conseguir isso sendo respeitoso”, afirma Valente.

Sergio Valente é diretor de comunicação da Globo (Foto: Divulgação)

Sergio Valente é diretor de comunicação da Globo (Foto: Divulgação)

Você também pode gostar