Celebridades, Noticia

Em entrevista, Carioca confirma a extinção do Pânico na Band

Conforme foi informado aqui no Famosos na Web, em estado de desgaste e alcançando índices preocupantes em relação as temporadas anteriores, disputando a quarta colocação com o Encrenca, da RedeTV!, após cinco anos, o Pânico deixará a Band. A trupe de humoristas, no entanto, parece já estar negociando um espaço na programação do SBT, nos sábados da emissora.

Depois de ter ironizado a repercussão sobre o término do dominical na rede de Johnny Saad, Márvio Lúcio, o Carioca, um dos principais nomes que carregam a atração, revelou que mesmo com o contrato assinado até meados de 2019, a Band apenas anunciou que a atração seria extinta em dezembro.

“Fomos informados de que estaremos na Band só até dezembro. É claro que ficamos tristes. Há cerca de 100 pessoas que trabalham lá. Só eu, tenho 21 anos de programa de rádio e 14 de TV. Mas o grupo não vai acabar: continua no rádio e pode ir pra outra emissora”, afirmou ele, em entrevista concedida à revista Veja.

Veja também:

Questionado sobre os motivos que fizeram com que o Pânico chegasse ao seu fim, Carioca destaca a perda de grandes nomes que desfalcaram o casting, como Wellington Muniz, o Ceará, e Eduardo Sterblich, por exemplo. O comediante diz que jamais conseguiria sair do programa ou do grupo, pois foi um dos contribuintes para tamanho reconhecimento do formato.

“O Pânico perdeu muitos talentos. Fiquei preocupado em sair e atrapalhar o programa. Mesmo sabendo que não estávamos em um momento fácil, cheguei a um acordo com os colegas, por uma questão de carinho. Ajudei a construir aquilo ali. É difícil largar”, explica ele, que se disse orgulhoso de ter feito parte de tudo.

Márvio Lúcio, o Carioca (Foto: Reprodução)

Márvio Lúcio, o Carioca (Foto: Reprodução)

Você também pode gostar