Emissoras, Noticia

Em crise, TV Gazeta demite cerca de 40 funcionários

Em mais um ano de crise, as emissoras de TV aberta estão realizando vários corte sobre seus funcionários. Após a Globo, Record e SBT, a TV Gazeta, em São Paulo, decidiu terceirizar a produção do Gazeta Shopping, seu programa de ofertas comerciais, exibido de segunda a domingo, e, como consequência, cerca de 40 profissionais foram dispensados.

De acordo com informações do jornalista Maurício Sycer, nos bastidores, a decisão de terceirização causou indignação, não só pela demissão de vários nomes, mas também pela produtora independente que vai realizar o programa inclui a cessão das câmeras da emissora paulista. Em nota, a informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da rede: “A área de varejo da emissora passou por uma reestruturação que resultou na terceirização dos segmentos de produção, captação e edição do projeto”.

Ainda foi acrescentado que o canal irá ceder os próprios equipamentos à Produção Frame, dirigida por Hélio Sileman, que contratou: “Pelo contrato de coprodução estabelecido, a TV Gazeta fornecerá os equipamentos de captação. Equipe comercial, elenco, direção e logística seguem sob a gestão direta da TV Gazeta”.

Veja também:

Vale lembrar que recentemente, a rede resolveu desligar o seu sinal analógico das antenas parabólicas, e em julho, encerrou o contrato milionário que permitia a Ultrafarma de ocupar alguns horários na programação, causando desespero por parte dos executivos, e chegou a demitir vários apresentadores do seu casting, como Anna Paola Fragni, Michelle Francine e Oscar Roberto Godói.

Logo TV Gazeta (Foto; Divulgação)

Logo TV Gazeta (Foto; Divulgação)

Você também pode gostar