Celebridades, Curiosidades, Noticia

Em conversa com fãs, Raul Gil faz revelações e dispara críticas ao Teleton e a Maísa Silva

Por essa Raul Gil não esperava! O apresentador do SBT acabou sendo vítima de fãs na saída de uma churrascaria localizada na Vila Mariana, zona sul de São Paulo, e fez várias revelações acerca de sua participação no Teleton, o qual ocorreu nos últimos dias 09 e 10 de novembro, ao lado de Maísa Silva. Na ocasião, o comunicador não sabia que estava sendo gravado e, com isso, soltou o verbo, disparando várias críticas contra o programa e a adolescente.

O episódio aconteceu na última segunda-feira (19), quando Raul foi parado por um grupo de jovens, que não se identificaram como jornalistas no local. Após o jantar, o apresentador falou aos fãs sobre a sua polêmica participação no evento beneficente em prol da AACD (Associação de Assistência à Criança Deficiente), onde chegou a ser retirado do palco por ter saído em defesa do presidente eleito Jair Bolsonaro e, em seguida, ser interrompido por Maísa, que tomou conta do programa.

Sendo assim, o que era para ter sido uma participação de uma hora na atração, acabou sendo reduzida para 25 minutos. “Me expulsaram. Mas o tiro saiu pela culatra. De 5 mil comentários no Instagram, só 20 falavam mal de mim”, comentou o veterano. Os internautas, no entanto, dividiram suas opiniões. Alguns concordaram com a atitude de Raul Gil no momento, e já outros o detonaram, classificando-o como “fascista” e lamentando que ele estivesse no mesmo ambiente que Maísa Silva.

A partir daí, Raul Gil teceu duras críticas contra o estilo de apresentação do Teleton. “Aquele Teleton é tudo paradão, engessado… O que acontece é que me chamam pra ficar lendo. Chamam o Carlos Alberto [de Nóbrega] e botam pra ler… Chamam a Maisa e botam pra ler aquela porra. Como que chama mesmo? Ah, é TP [teleprompter, equipamento acoplado à câmera que exibe o texto que os apresentadores leem durante o programa]”, explicou.

Na sequência, o comunicador fez comparações a seu programa na casa e ainda repreendeu a postura dos produtores. “Eu gravo sete, oito horas de programa e não leio porra nenhuma, vem tudo da minha cabeça. E faço isso há 50 anos. Eu chego e digo: ‘Eu não vou ler porra nenhuma, eu vou entrar e ser o Raul Gil’. E os produtores não gostam disso, não gostam que passe por cima deles. Eles ficam putos. Por quê? Porque todo mundo trata eles como generais, e eu não. Os outros artistas todos vão com aquela bosta de ponto no ouvido, e eu não.”, disparou.

Raul Gil também contou que a direção do Teleton se enfureceu quando ele tocou no assunto de política e que, por essa razão, foi convidado a se retirar do palco. “Eu falei no ar que os ladrões estavam presos, aqueles que levavam dinheiro das crianças… Falei mesmo. Falei algo por aí. Disse que tínhamos que ajudar o novo presidente porque não adianta, ele já ganhou e nós temos que orar para que Deus ilumine o seu caminho. E falei que nós estávamos esperando a doação dele [de Jair Bolsonaro]. Os caras lá em cima [no switcher] ficaram p…”, disse.

“Me expulsaram. Um produtor levantou uma placa [em que estava] escrito ‘Despede Raul’. Nem me deixaram falar direito com os meninos da AACD. Eu pensei: ‘Porra, já tô indo embora, sendo que mal entrei?'”, continuou.

Veja também:

Diante da saia justa, Maísa Silva se viu obrigada a interferir na fala de Raul Gil, que chamou a atriz, apresentadora e cantora de “bostinha”. “Quando eu falei do Bolsonaro, gritaram pra Maisa, que estava com o negócio no ouvido: ‘Interfere aí, para esse cara’. Aí ela entrou no meio e se f…. Se f…. Por quê? Porque ela entrou e a criançada não parava de falar ‘vovô Raul, vovô Raul’, queriam que eu continuasse no palco. Enfim… Aquela bostinha, se não fosse por mim, não existia. Ela começou comigo”, criticou.

Na conversa, Raul Gil também mencionou o fato de Silvio Santos ter falado com Bolsonaro à noite e ainda entregado o patrão, ao dizer que a entrevista com o político havia sido combinada. “[…] Aí o Silvio [Santos] abriu o programa da noite com quem? Com o Bolsonaro por telefone. Com o Bolsonaro! Eu olhei e falei: ‘Se f…’.

“Eles me expulsaram do programa sem imaginar que o Silvio abriria meia hora do programa pro presidente falar, com uma foto gigante dele atrás… E ainda falou: ‘O presidente ligou pra mim’. Não! Eles ligaram pro presidente, não foi ele que ligou coisa nenhuma. Eu falei com ele essa semana, eles combinaram“, comentou.

No mais, Raul ainda opinou acerca da polêmica envolvendo a cantora Claudia Leitte e Silvio Santos no dia, e xingou o marido da artista, Márcio Pedreira. “Eu conheço o Silvio desde 1961. O que aconteceu? Ele foi lá e fez uma cagada com a Claudia Leitte, aí explodiram todas as confusões. Aquele filho da p… do marido da Claudia Leitte deve ter dado corda pra aumentar a confusão.”. As informações foram divulgadas pelo site Notícias da TV.

Assista o momento exato em que Raul Gil é cortado por Maísa no Teleton:

Raul Gil durante participação no Teleton 2018 (Foto: Bruno Correa/SBT)

Raul Gil durante participação no Teleton 2018 (Foto: Bruno Correa/SBT)

Você também pode gostar